Articles

Bimps não tripulados LEMV para o US-Army

In Aérea, Defesa, Negócios e serviços on 16/07/2010 by E.M.Pinto Marcado: , ,

https://pbrasil.files.wordpress.com/2010/07/notblilmplemv.jpg?w=300

O US Army anunciou a compra de três blimps não tripulados LEMV (Long-Endurance Multi-intelligence Vehicle) da Northrop Grumaman por US$ 173 milhões com entrega prevista para 2013. O LEMV é baseado no Hybrid Air Vehicle (HAV) projetado para realizar missões de transporte.

A capacidade de carga será de 1,1 toneladas com autonomia de 21 dias a uma velocidade de 148 km/h a 6400 metros. O HAV é um blimp aerodinâmico que cria sustentação extra ao aumentar a velocidade e assim aumentar a capacidade de carga. Já o objetivo do LEMV é criar uma cobertura radar e imagem em grandes áreas do Afeganistão por longos períodos a um baixo custo.

Fonte: Sistemas de Armas

Anúncios

13 Respostas to “Bimps não tripulados LEMV para o US-Army”

  1. No Afeganistão? Só com mt ajuda dos locais…só assim, caso contrario…vão levar mt + tempo mutilando, sendo mutilados, matando e morrendo. Podem ficar por aí uns 25 anos…hehehehe. Conquanto aos blimps, os dirigiveis, são ótimos p serem usados no BRASIL p locais como na amazônia…p uso militarr e cívil.

  2. ai ta certo quando olhe pensei esses caras são doido e realmete são esse dirigivel não vai ser alvo facil por exemplo os radares podem pega ele só o tamanho eu acho que seria viavel na amazonia tem aqueles problemas de umidade que danifica as aeronaves se usa essa na amazonia poderia gasta menos em manuteção mais seira pra carga interna não em uso militar em guerra seira um presa favorita pra abate.

  3. O site DefesaBR projeta dirigíveis de média e grande capacidade para uso pelas nossas FFAA…

    http://www.defesabr.com/Eb/eb_dirigiveis_futuro.htm
    http://www.defesabr.com/Eb/eb_dirigiveis.htm

    Arte: E. M. Pinto

    E como estamos nisso aí?

  4. Caro Edu.
    Nos descobriste, ehehehe.
    bem pelo que sei havia o interesse do CTEX num projeto destes, mas não tenho nenhuma informação adicional.
    quanto ao projeto do dirigível do meu amigo Roberto DefesaBR, até agora só sonho nosso…
    sds
    E.M.Pinto

  5. Eu esperava sim que os dirigíveis voltasse a ser usados para uso militar. Só não sabia que iriam ser os mesmo “cilindros” de sempre.
    Poderia ser mais achatados, como o B-2. E mais rápidos.

  6. Luiz R. :
    Eu esperava sim que os dirigíveis voltasse a ser usados para uso militar. Só não sabia que iriam ser os mesmo “cilindros” de sempre.
    Poderia ser mais achatados, como o B-2. E mais rápidos.

    Depende do propulso p o mesmo ser + rápido, eles pousam e decolam verticalmente; uma boa econômia de espaço…p ajudar é transportar :de doentes a cargas , são mt versáteis e úteis…lembra de um q pairava nos céus do Rio? Excelente Spay…e a prova de balas…Sds.

  7. Estes dirigiveis nao seriam uma boa solução para patrulhar areas como o pré-sal ou amazonia ?

  8. O dirigível não foi feito pra ser rápido, mas para transportar muito gastando pouco.

  9. carlos argus :

    Luiz R. :
    Eu esperava sim que os dirigíveis voltasse a ser usados para uso militar. Só não sabia que iriam ser os mesmo “cilindros” de sempre.
    Poderia ser mais achatados, como o B-2. E mais rápidos.

    Depende do propulso p o mesmo ser + rápido, eles pousam e decolam verticalmente; uma boa econômia de espaço…p ajudar é transportar :de doentes a cargas , são mt versáteis e úteis…lembra de um q pairava nos céus do Rio? Excelente Spay…e a prova de balas…Sds.

    Na verdade estava também me referindo a furtividade, baixa assinatura de RCS etc.
    Ser um “disco” voador é bom também por ser mais difícil de se localizar nos céu.

  10. Tá, tem sim, é planos das n FAs fazer os mesmos tbm nesse tipo…Sds.

  11. Existe também um projeto civil para a substituição de enlaces de dados por dirigíveis VANT’s em substituição da por satélite (muito cara).

  12. Na anterior faltou: Neste caso os dirigíveis se situariam em altas altitudes.

  13. Sabem qual foi o primeiro pais que usou militarmente um aerostato?Foi o Brasil na guerra do paraguai.Creio que essas maquinas são uteis na vigilancia publica mas em guerras tenho minhas duvidas a menos que se usem no Afeganistão que não possui força aerea e nem misseis de longo alcance.A Americanos e Europeus brincar de fazer essas coisinhas é ate compreensivel mas pra nós que temos orçamento militar restrito gastar nossa inteligencia e nossa verba com tecnologias mais moderna nos traz melhor recompensa.Aqui estão chegando as Vants e muito em breve ja estaremos fabricando com tecnologia propria.Aguardem aeronaves não tripuladas com alto poder de destruição não tripuladas protegendo e defendendo nossos interesses.E aguardem tambem uma enorme surpresa como FX-2.Tem coisinhas provetando em algum hangar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: