Articles

Embraer estima novos pedidos de jatos no mercado mundial em US$ 200 bi em 20 anos

In Aérea, Aviação Civil, Negócios e serviços on 19/07/2010 by E.M.Pinto Marcado: , ,

https://i1.wp.com/www.aviationnews.eu/blog/wp-content/uploads/2008/09/e-jet-montenegro-airlines1.jpgSugestão: Colaborado

Daniela Milanese, da Agência Estado

Segundo a empresa, setor precisará neste período de mais 6.875 aeronaves entre 30 e 120 lugares

LONDRES – A Embraer estimou nesta segunda-feira, 19, que os novos pedidos de jatos entre 30 e 120 lugares somarão negócios de US$ 200 bilhões nos próximos 20 anos.Conforme a empresa, o mercado mundial precisará de mais 6.875 aeronaves desse porte no período. Desse total, 2.895 aeronaves devem ser entregues entre 2010 e 2019 e o restante na década seguinte.

A Embraer acredita que a demanda por aeronaves de 50 lugares já está madura, embora ainda exista oportunidades para reposição nos próximos 20 anos.

Os jatos de 60 a 120 assentos devem continuar melhorando a eficiência da indústria, prevê a companhia. “Esses aviões vão ajudar a reduzir o excesso de capacidade (do setor)”, diz a empresa.

Crescimento de 4,9% do tráfego global

A Embraer também anunciou nesta segunda, durante a feira de aviação de Farnborough, projeções de longo prazo para o setor. A empresa estima que o tráfego aéreo crescerá 4,9% ao ano, em média, pelos próximos 20 anos. Até 2029, a demanda crescerá 2,7 vezes, atingindo US$ 2,7 trilhões de receita por passageiro por quilômetro.

Entre os mercados, a Embraer prevê que o avanço mais expressivo do tráfego aéreo virá da China, de 7,3% por ano em média. Para a América Latina, Ásia Pacífico e Rússia, a projeção é de alta de 6% ao ano. A América do Norte e a Europa terão desempenho mais modesto, de 3,5%.

Conforme as estimativas da Embraer, a fatia dos mercados maduros cairá de 57% em 2009 para 44% em 2029 sobre o total do tráfego aéreo global. Em compensação, a Ásia Pacífico e a China representarão mais de um terço das viagens aéreas até 2029.

Fonte: Economia e Negócios

Anúncios

2 Respostas to “Embraer estima novos pedidos de jatos no mercado mundial em US$ 200 bi em 20 anos”

  1. Muito bom.

    Mas quanto a Embraer pretende abocanhar desse mercado? Pelo menos 40%? Ou US$ 80 bilhões nos próximos 20 anos?

  2. Edu Nicácio :
    Muito bom.
    Mas quanto a Embraer pretende abocanhar desse mercado? Pelo menos 40%? Ou US$ 80 bilhões nos próximos 20 anos?

    Esperamos q sim e q tenha melhores projetos q a concorrência. Bons negocios, o BRASIL agradece.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: