Articles

Colômbia: Uribe diz a militares que a “vitória final” está próxima

In Conflitos, Defesa, Geopolítica on 25/07/2010 by konner7 Marcado: , ,

https://i0.wp.com/www.radiosantafe.com/wp-content/uploads/2008/05/alvaro-uribe-presidente-colmbia.jpg

BOGOTÁ  —   (AFP)  –  O presidente colombiano em fim de mandato, Álvaro Uribe, disse este domingo aos militares e policiais que “a vitória final já não está distante”, em alusão à luta contra a guerrilha esquerdista e outros grupos ilegais.

“Obrigado, soldados e policiais da Colômbia. Adiante, a vitória final não está longe”, disse o presidente, ao visitar um forte militar na cidade de La Macarena (450 km ao sul de Bogotá), antigo reduto das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), a maior guerrilha do país.

Uribe, que em 7 de agosto entregará o poder a seu ex-ministro da Defesa Juan Manuel Santos, fez a declaração em meio a uma crise com Caracas, que na semana passada rompeu relações diplomáticas com a Colômbia, depois que Bogotá denunciou, ante a OEA, que milhares de guerrilheiros colombianos têm “presença ativa” na Venezuela.

O presidente venezuelano, Hugo Chávez, nega que dê cobertura aos insurgentes e atribui tal acusação a um “pretexto” dos Estados Unidos para agredir a Venezuela a partir da Colômbia.

Uribe agradeceu novamente, este domingo, aos integrantes da força pública por terem aplicado a política de ”segurança democrática” durante seus oito anos de mandato, com a qual enfrentou com mão firme grupos guerrilheiros.

“O Exército, a polícia, a Força Aérea, a Marinha (devem saber) que a única placa que lhes entrego nesta hora final é uma legenda que trago gravada no meu coração e que diz: â??Obrigado, soldados e policiais da Colômbia. Adiante, a vitória final não está longe, mas é preciso lutar por ela”, enfatizou.

No sábado, Uribe animou Santos e as Forças Armadas a consolidar, nos próximos anos, a ”segurança democrática”, cuja aplicação desde 2002 atribuiu a ele uma popularidade de cerca de 70%.

Fonte:Terra

Anúncios

15 Respostas to “Colômbia: Uribe diz a militares que a “vitória final” está próxima”

  1. Ta parecendo que um certo caudilho bolivariano vai ser desposado brevemente.

  2. Tocando harpa e rindo muito…

    O que os reptilianos não se tocaram, é que a dialética hegeliana não funciona em uma sociedade de informações sem o delay do vídeo tape. Muitos já se tocaram do truque. As manobras não duram mais de dias, antes de ser desmontadas.

    Na hipótese de desestabilização, mesmo em nível regional, é impossível saber quais serão as partes (a tendência é os lados mudarem) juntas no final do conflito, mesmo que cuidadosamente planejada.

    A resposta fácil de um governo mundial se torna fumaça…

    Rá…

  3. Além do fato, de que a reação internacional (ao qual vai definir a relação de forças), vai depender da credibilidade e não do jogo do poder em si (ninguém confia fazer negócios com fraudadores de informações. Vai que os ditos honrados senhores decidam fazer fraude financeira em nível mundial. Ops… Essa eu acho que já foi…).

  4. Um governo mundial neste cenário duraria pouquíssimo tempo e haveria racha por falta de confiança entre os próprios membros. Fora que uma guerra, acelera e muito a tecnologia principalmente das armas e a ocorrência de um cenário medonho de singularidade tecnológica é bem real em curto espaço de tempo.

    Bem vindos a Matrix… risos.

  5. Tá na hora de a América do Sul silenciosamente cortar suas relações com a Colômbia. A Colômbia é um país fraco, sem nenhuma importância econômica pra região. Não tem petróleo como a Venezuela; não tem gás natural como a Bolívia; não tem indústria desenvolvida como o Brasil; não tem mão-de-obra educada como a Argentina: não tem nada, o grau de dependência dos países da América do Sul em relação a esse país é zero. E ainda assim, é a Colômbia que sempre paralisa os esforços regionais para uma integração maior dos países da América do Sul. A Colômbia retira muito mais do que dá.

    Que o Chávez abrigue guerrilheiros das Farcs, eu não duvido. O Chávez é doido. Mas nem por isso deve-se fechar os olhos às inteções de Uribe. Ele sabe da presença das Farcs na Venezuela há muito tempo. Se sua intenção era de questionar a Venezuela sobre isso, ele teria divulgado suas descobertas – quer em público ou em particular com membros do gov. venezuelano -, há muito tempo. Mas ele o faz agora – agora que ele se afasta do poder e há uma semana de os EUA ocuparem a Costa Rica com suas tropas.

    Não é do interesse dos EUA que os países da AS se unam, quer econômica ou politicamente. E o Uribe faz bem esse jogo dos EUA. Ele causa confusão em reuniões presidenciais, bombardeia um país vizinho e pacífico e enche seu território com tropas americanas.

    Como eu disse, tá na hora de a Colômbia levar um cascudo coletivo.

  6. Esse cascudo poderá ser o motivo p > presença iank dentro da sua colônia colômbia…eles q se mostrar aos se dominados , q fazem a diferença, tanto p a paz como p a guerra…ainda . q o SATF colombianos está propenso a julgar o acordo ianks/colombiano ilegal…essa movimentação de pedras nesse tabuleiro e orquestrada pelos ianks…p se legitimarem em terra colombianas , na AS.

  7. Esse cascudo poderá ser o motivo p > presença iank dentro da sua colônia colômbia…eles q se mostrar aos seus dominados , q fazem a diferença, tanto p a paz como p a guerra…ainda . q o SATF colombianos está propenso a julgar o acordo ianks/colombiano ilegal…essa movimentação de pedras nesse tabuleiro e orquestrada pelos ianks…p se legitimarem em terra colombianas , na AS.

  8. Esse cascudo poderá ser o motivo p > presença iank dentro da sua colônia colômbia…eles querem se mostrar aos seus dominados , q fazem a diferença, tanto p a paz como p a guerra…ainda . q o STF colombianos está propenso a julgar o acordo ianks/colombiano ilegal…essa movimentação de pedras nesse tabuleiro e orquestrada pelos ianks…p se legitimarem em terra colombianas , na AS.

  9. Meus caros,
    A única coisa decente que há na Colômbia, além do povo é óbvio, são as FARC. O governo Uribe transformou a Colômbia num quintal americano na América Latina, para seu serviço, assim como faz o de Israel no Oriente Médio. O governo Uribe traiu o povo colombiano e vendeu o país aos interesses americanos (deve ter uma polpuda conta bancária no exterior). Não passa de um governo venal e criminoso. É com este tipo de gente que os norte americanos costumam fazer alianças. Por isso eu não sou contra as FARC. Dizer que as FARC são envolvidas com o tráfico de entorpecentes é muito simples; para mim isto nada significa, poque quem acusa não tem moral nem credibilidade, portanto é suspeito para tal!! Mas no fim a história vai dizer quem tem razão (síntese da citação de Abraham Lincoln). O governo norte americano nunca esteve preocupado com o tráfico de drogas em canto nenhum do mundo, a não ser no cinema (isto para enganar inocentes, bobos e alienados); porque se realmente estivesse evitaria que os entorpecentes entrassem em suas fronteiras. Se eles são incapazes de guardar suas próprias fronteiras, seriam capazes de ajudar países onde se produzem drogas a erradica-las? Não é estranho? Vejamos o caso da Afeganistão; depois que foi invadido pelos norte americanos converteu-se no maior produtor de ópio do mundo (o Triângulo Dourado é o 2º). Sua produção subiu quarenta vezes!!! Alimenta os mercados americanos e europeus! Passou a produzir mais ópio que o tradicional Triângulo Dourado (Tailândia, Mianmar e Laos), onde a CIA deu apoio ao traficantes porque estes eram inimigos dos comunistas na área, sendo por isso a responsável pelo aumento da produção de ópio na região!
    Mas meus caros, não se enganem, o alvo da política do governo norte americano não é erradicar da Colômbia a produção de cocaína ou só assaltar a Venezuela (como fez no Iraque), como a maioria pensa. A Colômbia é só um pretexto e o petróleo venezuelano um ganho logístico que ajudaria a pagar o preço da aventura; na realidade a Colômbia é um corredor (uma porta), porque a meu ver o objetivo final é o Brasil. Um país muito mais rico, além do que, nós somos uma ameaça aos interesses hegemônicos dos norte americanos na América do Sul. Lembrem-se da declaração de Henry Kissinger, justificando ao pressionar e impedir o envio ao Brasil de reatores, comprados à Alemanha, para nossas pesquisa nucleares: “Não queremos um novo Japão ao sul do equador”. Por essas e por outras é que eu acho que o Exército brasileiro já deveria ter ocupado o vale do rio Negro (projeto Calha Norte), e comprado além de boas peças de artilharia pesada, baterias de defesa anti-aérea S-300/400 aos russos, as mesmas que eles estão oferecendo ao Irâ. Quem não crê nisto ou é inocente ou cego ou pior, é um analfabeto político, como diria o alemão Bertold Brecht.

    Abraços

    Lopes

  10. o governo da colombia se fia muito no seu”pai branco”. se cuida brasil, para que nao sejamos arrastados a um conflito nas fronteiras amazonicas, pois é exatamente isso que o ” pai branco” quer.

  11. Lopes :Meus caros,A única coisa decente que há na Colômbia, além do povo é óbvio, são as FARC. O governo Uribe transformou a Colômbia num quintal americano na América Latina, para seu serviço, assim como faz o de Israel no Oriente Médio. O governo Uribe traiu o povo colombiano e vendeu o país aos interesses americanos (deve ter uma polpuda conta bancária no exterior). Não passa de um governo venal e criminoso. É com este tipo de gente que os norte americanos costumam fazer alianças. Por isso eu não sou contra as FARC. Dizer que as FARC são envolvidas com o tráfico de entorpecentes é muito simples; para mim isto nada significa, poque quem acusa não tem moral nem credibilidade, portanto é suspeito para tal!! Mas no fim a história vai dizer quem tem razão (síntese da citação de Abraham Lincoln). O governo norte americano nunca esteve preocupado com o tráfico de drogas em canto nenhum do mundo, a não ser no cinema (isto para enganar inocentes, bobos e alienados); porque se realmente estivesse evitaria que os entorpecentes entrassem em suas fronteiras. Se eles são incapazes de guardar suas próprias fronteiras, seriam capazes de ajudar países onde se produzem drogas a erradica-las? Não é estranho? Vejamos o caso da Afeganistão; depois que foi invadido pelos norte americanos converteu-se no maior produtor de ópio do mundo (o Triângulo Dourado é o 2º). Sua produção subiu quarenta vezes!!! Alimenta os mercados americanos e europeus! Passou a produzir mais ópio que o tradicional Triângulo Dourado (Tailândia, Mianmar e Laos), onde a CIA deu apoio ao traficantes porque estes eram inimigos dos comunistas na área, sendo por isso a responsável pelo aumento da produção de ópio na região!Mas meus caros, não se enganem, o alvo da política do governo norte americano não é erradicar da Colômbia a produção de cocaína ou só assaltar a Venezuela (como fez no Iraque), como a maioria pensa. A Colômbia é só um pretexto e o petróleo venezuelano um ganho logístico que ajudaria a pagar o preço da aventura; na realidade a Colômbia é um corredor (uma porta), porque a meu ver o objetivo final é o Brasil. Um país muito mais rico, além do que, nós somos uma ameaça aos interesses hegemônicos dos norte americanos na América do Sul. Lembrem-se da declaração de Henry Kissinger, justificando ao pressionar e impedir o envio ao Brasil de reatores, comprados à Alemanha, para nossas pesquisa nucleares: “Não queremos um novo Japão ao sul do equador”. Por essas e por outras é que eu acho que o Exército brasileiro já deveria ter ocupado o vale do rio Negro (projeto Calha Norte), e comprado além de boas peças de artilharia pesada, baterias de defesa anti-aérea S-300/400 aos russos, as mesmas que eles estão oferecendo ao Irâ. Quem não crê nisto ou é inocente ou cego ou pior, é um analfabeto político, como diria o alemão Bertold Brecht.
    Abraços
    Lopes

    Lopes,
    Concordo contigo , o alvo real é o Brasil, é a liderança brasileira, é a Amazonia, é o pré-sal….. creio que nao apenas o Brasil mas a America do Sul de uma forma geral deve investir pesado e modernização das forças armadas, pois seremos em breve alvo de um jogo muito mais pesado que é a guerra a apropriação de nossos recursos naturais …. minerios, petroleo, agua etc. Sinto que o unico pais que parece estar levando isso a sério é justamente a Venezuela que tem investido em forte defesa… Precisamos fazer o mesmo … isso é para ontem !!!!!!!

  12. observador :

    Lopes :Meus caros,A única coisa decente que há na Colômbia, além do povo é óbvio, são as FARC. O governo Uribe transformou a Colômbia num quintal americano na América Latina, para seu serviço, assim como faz o de Israel no Oriente Médio. O governo Uribe traiu o povo colombiano e vendeu o país aos interesses americanos (deve ter uma polpuda conta bancária no exterior). Não passa de um governo venal e criminoso. É com este tipo de gente que os norte americanos costumam fazer alianças. Por isso eu não sou contra as FARC. Dizer que as FARC são envolvidas com o tráfico de entorpecentes é muito simples; para mim isto nada significa, poque quem acusa não tem moral nem credibilidade, portanto é suspeito para tal!! Mas no fim a história vai dizer quem tem razão (síntese da citação de Abraham Lincoln). O governo norte americano nunca esteve preocupado com o tráfico de drogas em canto nenhum do mundo, a não ser no cinema (isto para enganar inocentes, bobos e alienados); porque se realmente estivesse evitaria que os entorpecentes entrassem em suas fronteiras. Se eles são incapazes de guardar suas próprias fronteiras, seriam capazes de ajudar países onde se produzem drogas a erradica-las? Não é estranho? Vejamos o caso da Afeganistão; depois que foi invadido pelos norte americanos converteu-se no maior produtor de ópio do mundo (o Triângulo Dourado é o 2º). Sua produção subiu quarenta vezes!!! Alimenta os mercados americanos e europeus! Passou a produzir mais ópio que o tradicional Triângulo Dourado (Tailândia, Mianmar e Laos), onde a CIA deu apoio ao traficantes porque estes eram inimigos dos comunistas na área, sendo por isso a responsável pelo aumento da produção de ópio na região!Mas meus caros, não se enganem, o alvo da política do governo norte americano não é erradicar da Colômbia a produção de cocaína ou só assaltar a Venezuela (como fez no Iraque), como a maioria pensa. A Colômbia é só um pretexto e o petróleo venezuelano um ganho logístico que ajudaria a pagar o preço da aventura; na realidade a Colômbia é um corredor (uma porta), porque a meu ver o objetivo final é o Brasil. Um país muito mais rico, além do que, nós somos uma ameaça aos interesses hegemônicos dos norte americanos na América do Sul. Lembrem-se da declaração de Henry Kissinger, justificando ao pressionar e impedir o envio ao Brasil de reatores, comprados à Alemanha, para nossas pesquisa nucleares: “Não queremos um novo Japão ao sul do equador”. Por essas e por outras é que eu acho que o Exército brasileiro já deveria ter ocupado o vale do rio Negro (projeto Calha Norte), e comprado além de boas peças de artilharia pesada, baterias de defesa anti-aérea S-300/400 aos russos, as mesmas que eles estão oferecendo ao Irâ. Quem não crê nisto ou é inocente ou cego ou pior, é um analfabeto político, como diria o alemão Bertold Brecht.
    Abraços
    Lopes

    Lopes,
    Concordo contigo , o alvo real é o Brasil, é a liderança brasileira, é a Amazonia, é o pré-sal….. creio que nao apenas o Brasil mas a America do Sul de uma forma geral deve investir pesado e modernização das forças armadas, pois seremos em breve alvo de um jogo muito mais pesado que é a guerra a apropriação de nossos recursos naturais …. minerios, petroleo, agua etc. Sinto que o unico pais que parece estar levando isso a sério é justamente a Venezuela que tem investido em forte defesa… Precisamos fazer o mesmo … isso é para ontem !!!!!!!

    Concordar com aqueles que praticam narcotrafico e terrorismo é de espantar este raciocineo.A unica explicação é a que mais condeno.Olham a tudo com olhar ideologico doutrinario sem medir nada.E a unica coisa concreta é que o alvo somos nós e de todos os lados.Porque na visão de Chavez nosso pais é o imperialista regional que por ser mais desenvolvido que os demais lhes sufoca as economias alem de lhes ampliar a inveja.O que sera do Brasil ano que vem nas mãos de reacionarios heim???Não vejo ninguem como o Lula pra dar prosseguimento a seu trabalho.Vejo sim loucos ideologistas radicais que se importam mais em se perpetuarem do que com nossa realidade.E depois se passados a espada não reclamem pois todo aquele que planta colhera do que plantar.

  13. Como ele não consegui se perpetuar em um 3º mandato,então ele quer sair do poder soltando rojões pela America do Sul;bem típico de um presidente dissimulado,maquiavélico e mentiroso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: