Articles

Não entendo por que esses terroristas não foram capturados’

In Conflitos, Geopolítica, Terrorismo on 26/07/2010 by E.M.Pinto Marcado: , ,

https://i1.wp.com/www.ecbloguer.com/globalnewsroom/wp-content/uploads/2008/08/uribe.jpg

ÁLVARO URIBE

Poucas horas antes de estourar a mais nova crise diplomática envolvendo as relações de seu país com a vizinha Venezuela, o presidente colombiano, Álvaro Uribe, recebeu a reportagem do jornal de Bogotá “El Tiempo”, para fazer um balanço de seus oito anos de mandato. Uribe não esconde a frustração com o alto número de assassinatos e o que considera ameaças vindas do país vizinho.

Segundo ele, o celular será um trunfo na busca por mais segurança na Colômbia.

Do El Tiempo*

O GLOBO: De qual momento do seu mandato o senhor mais se orgulha presidente?

URIBE: Esta tarefa pela Colômbia é de muita responsabilidade, cheia de dificuldades. Houve momentos de felicidade: quando se resgatam sequestrados, quando as operações correm bem.

Acabamos de ver uma fotografia em que o senhor está chorando. Isso aconteceu muitas vezes nestes oito anos de governo?

URIBE: Que as câmeras tenham me flagrado, uma ou duas vezes.

Como foi?

URIBE: Tenho que confessar que às vezes era incontrolável. Por exemplo, quando voltei do Club El Nogal (na noite do atentado das Farc que deixou quase 40 mortos, em fevereiro de 2003). Chorei muito, sentia dor pelos assassinatos e raiva dos terroristas.

Há muitos anos o senhor sabe em que lugar da Venezuela estão os líderes das Farc. O senhor sai do poder desolado por não tê-los capturado?

ÁLVARO URIBE: Não entendo por quê, existindo tanta clareza nas normas do direito internacional, esses terroristas não foram capturados.

Vou embora triste por eles seguirem com a capacidade de fazer danos a outro país.

A Colômbia deve renunciar ao ataque a líderes guerrilheiros que estão no exterior?

URIBE: A prioridade sempre deve ser a aplicação das normas do direito internacional. Um bombardeio como o realizado contra (Raúl) Reyes (membro do secretariado das Farc, morto em 2008) é um ato de um “Estado de necessidade” para defender o povo colombiano, mas não é aconselhável, por ser propenso a uma má interpretação. Quando se quer proteger o povo colombiano de um terrorista, damos a má interpretação de que se está maltratando o território de um país irmão.

Nosso interesse nunca foi maltratar o povo irmão do Equador

O senhor põe na balança o êxito político interno do ataque a Reyes e o déficit gerado por este episódio na política externa?

URIBE: Não, nunca faço estes cálculos.

Quando se está trabalhando pelo bem da pátria, só se pensa no interesse superior de seus compatriotas.

Neste caso, poderia ter superado as dificuldades diplomáticas pedindo renúncias de militares. Mas o que acontece com a vontade das Forças Armadas em lutar contra o terrorismo, se o presidente não assume responsabilidades e trata os militares como fusíveis que se queimam e devem ser retirados, como forma de evitar dificuldades políticas?

Qual é o número mais importante que o senhor deixa ao país?

URIBE: Não me preocupo com os bons números. Só me angustio pelos que foram maus.

Quais, presidente?

URIBE: Por exemplo, o fato de ainda termos mais de 15 mil assassinatos.

Quis chegar a um índice de desemprego inferior a 8%, e estávamos perto disso, mas vieram duas crises, uma na economia internacional, e a crise particular com a república irmã da Venezuela. E logo quando o desemprego caía — já havia baixado para 10,7%! Parou em 12%.

O senhor será prefeito de Bogotá? Estará no gabinete de seu sucessor?

URIBE: Vou ser cooperador. (…) Vou pedir permissão ao presidente Santos para ser cooperador, mas usando apenas um celular. Trabalhar com a Força Pública e ajudarlhe, ao mesmo tempo, a desarmar a sociedade.

O celular, então, será a nova arma para buscar a segurança

URIBE: Nas cidades em que a telefonia está bem organizada, com as linhas disponíveis para chamar a Força Pública, o celular ajuda muitíssimo. Se cada cidadão se compromete a ajudar, e se houver zelo para responder, as coisas podem melhorar muito.

O que o senhor faz pelo celular: busca informação, lê?

URIBE: Tenho Twitter. Por enquanto ainda me ajudam com o site.

O senhor envia muitas mensagens pelo celular?

URIBE: Sim, claro. Creio que não são menos de 150 por dia.

Pessoalmente?

URIBE: Sim. Quero cobrar eu mesmo o governo. Não tenho mexido no correio eletrônico. Faço tudo por mensagem de texto e chat. E também me propus a responder aos telefonemas que chegam a mim. Tenho que reservar um tempo estes dias, porque estou com atraso de mais de 80 ligações. No dia 8 de agosto, quero dizer: até ontem, quando fui presidente, procurei responder todas as chamadas.

* O “El Tiempo” faz parte do Grupo de Diários América (GDA)

Fonte: O Globo via CCOMSEX

Anúncios

15 Respostas to “Não entendo por que esses terroristas não foram capturados’”

  1. O pai dele foi assassinado pelas Farcs. Mais uma das centenas de milhares de vítimas civis inocentes deste grupo terrorista.

    Uribe ao chegar na poltrona presidenncial encontrou o caos e ao sair, deixou um país estável. Fez o que ninguém em 40 anos conseguiu. Está de parabéns, foi um grande presidente.

  2. Creio que houve equivoco e colocaram o entrevistador como sendo o próprio uribe, entrevistando á si mesmo.

    Justiça poética de um ato falho, pois a entrevista é uma sucessão de bolas levantadas para Uribe, na boca do gol…

    Cada vez mais, vejo o circo armado por Uribe , com apoio de toda brigada midiática estadunidense (sediada na América do Sul) , envolvendo Chavez e as Farcs . Como sendo um apoio a linha de campanha, baseada no medo e insegurança, escolhida pelo Partido Sabotador Do Brasil, todos comandados e coordenados,claro, pelo mesmo patrão lá do norte.

    Sem esquecer que em setembro também haverá eleições na Venezuela, portanto a estratégia de criar distúrbios + circo midiático, tem dupla finalidade…

  3. O mais importante, independente do que penso ou pensam sobre o Uribe, é que o processo democrático na Colômbia segue seu caminho.
    Um presidente que teve seu mandato renovado e governou por 8 (oito) anos está saindo, cedendo o lugar para um novo, eleito pelo voto popular, uma renovação democrática.
    Só desta forma, pela sucessão eleita pela povo de executivo e legislativo, se consolida uma democracia… e democracia pode ter defeitos, mas ainda não foi inventado nada melhor.

    Mas é apenas meu ponto de vista.

    Sds,
    Ivan.

  4. ..sim , a democracia pode ñ ser o melhor regime de governo, + ainda ñ tem nada melhor …isso é fato.É um sistema judiciário independênte.

  5. A família de Uribe tá envolvida até o pescoço com o narcotráfico. Uribe e seu irmão eram amigos de um tal de Medellín, um certo chefe de um grupo armado narcotraficante. Não, não é só a esquerda que faz narcotráfico na Colômbia. Há grupos direitistas, de cunho paramilitar, que também estão envolvidos nisso, e em combate com as Farcs. Sim, terrorista pode combater terrorista. Suspeita-se, aliás, que o pai de Uribe tenha feito parte de um desses grupos. Há arquivos da inteligência americana, datados de 1991, com dados sobre Uribe e sua família. O quão acurados são esses dossiês, porém, ninguém sabe. E comprometer seu aliado mais firme na América do Sul não é do interesse dos EUA: eles não vão investigar Uribe.

    Quanto a Uribe chorar devido a assassinatos perpetrados pelas Farcs: acho que só esses assassinatos o comovem. Há uns anos, houve um escândalo na Colômbia relacionado com assassinatos feitos por militares: foi o escândalo dos “falsos positivos”.

    Os militares colombianos recebem estímulos e recompensas para apanhar militares das Farcs, quer vivos ou mortos. Podem, por exemplo, ser promovidos se puderem comprovar terem feito baixas nesses grupos. Mas alguns militares resolveram pegar um atalho pra chegar às recompensas: recrutaram rapazes de vilarejos pobres e os vestiram com roupas típicas de militantes das Farcs. Depois os levaram para um canto isolado e os mataram. Fizeram-no isso em massa, houve cerca de 2000 falsos positivos. E quando isso veio à tona, qual foi a reação de Uribe? Foi de dizer que aquilo era mentira, que quem não apoia o exército integralmente em sua “luta” contra o narcotráfico, se opõe ao país e à sua busca pela segurança interna. Qualquer semelhança com a retórica bushista durante Guerra do Iraque provavelmente não é mera coincidência.

  6. Lecen :
    O pai dele foi assassinado pelas Farcs. Mais uma das centenas de milhares de vítimas civis inocentes deste grupo terrorista.
    Uribe ao chegar na poltrona presidenncial encontrou o caos e ao sair, deixou um país estável. Fez o que ninguém em 40 anos conseguiu. Está de parabéns, foi um grande presidente.

    Concordo com seu pensamento meu amigo desde que ele seja direcionado no hambito interno Colombiano.Mas externamente Uribe contribuiu muito para a desestabilizar a harmonia continental ao trazer os EUA pra seu territorio.Ate concordava quando os EUA os assessoravam mas no momento que permitiu as bases e começou a entrar no jogo bucolico de um ditador que fale sua propria economia profetizando idiotices e arregimentado simpatizantes em uma causa que na verdade é mascarada contra os EUA mas que na verdade mira o Brasil pois na otica de Chavez nós somos os imperialistas por sermos mais modernos que eles

  7. Uribe podia é terminar de fazer sua mala e sair pela porta do fundo, assim deixaria toda America do Sul mais tranquila, e mais tarde o Hugo Chaves fazendo o mesmo caminho pela porta do fundo.

  8. CONT….esta levando nossas nações e nossos povos a discordia e a ressentimentos.Não me agrada estas coisas pois como Latino Americano sentia honra e orgulho em habitar em um continente de povos simples mas ordeiros e amantes da paz.

  9. wi :
    Creio que houve equivoco e colocaram o entrevistador como sendo o próprio uribe, entrevistando á si mesmo.
    Justiça poética de um ato falho, pois a entrevista é uma sucessão de bolas levantadas para Uribe, na boca do gol…

    Boa Wi!

    Eu diria mais… é a volta da sindrome de “Regina Duarte”, aqui e ali vão surgir factóides. Eles não conseguem ganhar com as regras do jogo.

  10. Quem é o traficante Álvaro Uribe, amigo intimo de Pablo Escobar?

    http://engforum.pravda.ru/showthread.php?287572

  11. wi :
    Creio que houve equivoco e colocaram o entrevistador como sendo o próprio uribe, entrevistando á si mesmo.
    Justiça poética de um ato falho, pois a entrevista é uma sucessão de bolas levantadas para Uribe, na boca do gol…
    Cada vez mais, vejo o circo armado por Uribe , com apoio de toda brigada midiática estadunidense (sediada na América do Sul) , envolvendo Chavez e as Farcs . Como sendo um apoio a linha de campanha, baseada no medo e insegurança, escolhida pelo Partido Sabotador Do Brasil, todos comandados e coordenados,claro, pelo mesmo patrão lá do norte.
    Sem esquecer que em setembro também haverá eleições na Venezuela, portanto a estratégia de criar distúrbios + circo midiático, tem dupla finalidade…

    Saudavel ato falho…
    Risos…

    Mudando de alhos para bugalhos e aproveitando: Alguém ai entende porque o terrorista não foi capturado (Bin Laden) pela maior força, rede, inteligência e exército de toda a história da humanidade?

  12. Alguns, afirmam que porque não querem, outros porque não podem, e outros ainda porque não devem.
    sds
    E.M.Pinto

  13. Álvaro Uribe é um mentiroso, a CIA já tem os dados!

    El presidente Narcoparamilitar y el silencio de los Medios de Comunicación

    http://engforum.pravda.ru/showthread.php?290987

    http://engforum.pravda.ru/showthread.php?290985

  14. E.M.Pinto.

    Sendo o dito cujo de uma grande família no controle dos maiores negócios em petróleo, intimamente ligados aos reptilianos, eu ficaria com a alternativa C.

    Abraços.

  15. RAPTOR…Bin Laden ja esta morto a muito tempo…Estava com tuberculose em avançado estado e infurnado naquelas caverninhas que as bombas que furam pedra e fazem tchummm levou pro espaço a muito tempo…Creio que ate o gringo saiba disso e fica usando a imagem do defunto pra assustar a humanidade…Se ele tivesse vivinho ja teria aparecido muitas vezes pois gostava de se mostrar e todos os videos e gravações de voz que apresentaram depois daqueles bombardeios são montagens.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: