Articles

Fabricante brasileira do setor de defesa contesta acusações de revista alemã

In Conflitos, Defesa, Negócios e serviços, Sistemas de Armas on 06/08/2010 by E.M.Pinto Marcado: , , ,

https://i0.wp.com/www.epicos.com/epicos/extended/brazil/Cbc/imgs/top.gif
A CBC (Companhia Brasileira de Cartuchos) assumiu a fabricante alemã MEN em 2007. Desde então, segundo a revista “Der Spiegel”, a empresa tenta burlar a legislação alemã de controle de armas. A CBC responde às acusações.

A edição 30/2010 da revista “Der Spiegel” colocou o grupo CBC no olho do furacão. A reportagem do semanário alemão afirma que a fabricante brasileira de armas e munições faz negócios com a Líbia e “até mesmo” com o Irã, insinua problemas no controle de qualidade dos produtos e que os funcionários trabalham sob pressão. E ainda: a tentativa de contornar a legislação alemã de controle de armas de guerra.

Mas o que a Companhia Brasileira de Cartuchos tem a esconder? “A nossa empresa sofreu sérias acusações, mas nós nunca tivemos a chance de falar. Ficamos absolutamente chocados ao ler o artigo, sem termos tido a oportunidade de expressar o nosso lado da história”, afirmou a direção da CBC à Deutsche Welle.

Nota do Editor:

Para mim cheira a sabotagem industrial uma vez que a CBC está engolindo o mercado europeu a comprando inclusive a sua maior rival na Europa a industria Tcheca que não direi o nome.

Bem como vemos, os Europeus são ótimos defensores da livre concorrência, desde que eles não tenham que competir.

Mancha para o Der Spiegel, o qual considero um meio de comunicação sério, pelo jeito, está agindo em defesa de alguém.

E.M.Pinto

Fonte: Folha via UOL

Anúncios

9 Respostas to “Fabricante brasileira do setor de defesa contesta acusações de revista alemã”

  1. Bom, creio que defender uma Empresa Nacional é trabalho para o Governo. Um pouco de pressão diplomática do Sr. Amorim e algumas palavras mais ásperas de nosso Presidente, é o mínimo que eu espero: Se fizemos isso e muito mais, no caso dos EUA e de seus subsídios do algodão, não vejo porque não fazer o mesmo neste caso. Aliás, bem que poderíamos inventar alguma tributação extra sobre algum produto Alemão, só para eles verem como isso dói!

    Agora, o “Der Spiegel”, um jornal sério? Sinceramente, discordo! No máximo um Pasquim Alemão e olhe lá!
    Só não chegou ainda tão baixo como o Pravda depois da queda do regime comunista na Russia, mas está se esforçando bastante, neste sentido…

  2. É isso aê Intruder…mô pasquim,considerando o nosso era da melhor qualidade.

  3. Como dizem capitalismo no dos outros é refresco

  4. Os alemaes estao fazendo jogo sujo…so’ para ver depois de perderem a mamata de fornecer os subs pro Brasil…para a Franc,a , vieram com esse papo furado que o Brasil quer a bomba nuclear…Deveriamos dizer o seguinte, se o Brasil quer a bomba..a Alemanha ja’ tem varias bombas nucleares ha muito tempo atraves do Tratado do Atlantico Norte…
    Assim como a Italia,Holanda,Belgica e Turquia…
    Entao eles que criem vergonha na cara e fiquem quietos no canto deles..

  5. Ahh,esqueci de dizer mais duas coisas…Primeiro: os alemaes (e europeus)devem estar incomodados de ver os brasileiros crescer..
    Segundo :os comentarios do ex ministro Sandemberg,(do governo Collor) e’ uma vergonha para o Brasil…ele deveria de se envergonhar de por nosso pais para baixo com esses comentarios infundados…e na outra mao, ficar quieto quando tantos outros paises tem esse meio de dissuac,ao..

  6. isso mostra a xenofobia por parte de alguns orgãos de impressa europeus e porque não dizer de seus próprio governos! que enxergam as antigas colonias {americanas,africanas , asiaticas e oceania} como meros lacaios que devem apenas serví-los !
    porem a acenssão do Brasil no mundo é um fato inreversivel!

  7. É lamentável ver o quanto outros países do mundo, que eu considerava sérios, conseguem ser tão mesquinhos e covardes (ao tentar manchar o nome de uma empresa brasileira que está crescendo por competência própria) quanto já o são os norte-americanos, povo que se diz tão “inovador” e, na realidade, apenas copia e antecipa projetos de outros países.
    Eu creio, sinceramente, que a América Latina deveria parar de dar chance aos estrangeiros aqui, principalmente os que falam inglês, de realizarem espionagem e pirataria (tanto de ideias e produtos, quanto de biodiversidade). Deveríamos todos nos unir em defesa de um bem comum, a começar pelos “ingênuos” colombianos, que acham que a presença norte-americana lá é uma boa ideia.

  8. Cassio :
    É lamentável ver o quanto outros países do mundo, que eu considerava sérios, conseguem ser tão mesquinhos e covardes (ao tentar manchar o nome de uma empresa brasileira que está crescendo por competência própria) quanto já o são os norte-americanos, povo que se diz tão “inovador” e, na realidade, apenas copia e antecipa projetos de outros países.
    Eu creio, sinceramente, que a América Latina deveria parar de dar chance aos estrangeiros aqui, principalmente os que falam inglês, de realizarem espionagem e pirataria (tanto de ideias e produtos, quanto de biodiversidade). Deveríamos todos nos unir em defesa de um bem comum, a começar pelos “ingênuos” colombianos, que acham que a presença norte-americana lá é uma boa ideia.

    Cássio: Cada um defende o que é seu e tolo é aquele que não o fizer! É a regra da vida! Europeus e Norte Americanos sempre agiram assim e nós temos de fazer o mesmo também. É defender o que é nosso SEMPRE.
    Agora, reforço o que disse anteriormente: Cabe ao NOSSO Governo defender a CBC, seja lá fazendo o que: Queixa diplomática, pressão tarifária, sei lá.

    []s
    Intruder

  9. Amigos amigos negocios a parte.Comercio é comercio.A gente vende masmo e tem mais é que vender mais pra quem pagar.Misseis ao Paquistão e a India se quiser tambem.Que tem seus problemas com A ou B que se resolvam.Europeus sempre foram extremamente protecionistas.Se fizessemos a mesma coisa so perderiamos.Devagarinho industrias Brasileiras vão crescendo e engolindo outros do mercado.Sobrevive quem inova e ousa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: