Articles

Escolas públicas de Israel terão ensino obrigatório de árabe

In Conflitos, Geopolítica, História on 25/08/2010 by E.M.Pinto Marcado: , ,

https://i0.wp.com/revistaescola.abril.com.br/img/historia/palestina-israel.jpg

As autoridades de Israel introduziram um novo programa que torna o ensino do idioma árabe obrigatório em escolas públicas.

O programa, que começou como um projeto piloto no início do ano em 170 escolas do norte de Israel, e que logo será ampliado para escolas públicas de todo o país, prevê aulas obrigatórias de árabe a partir da quinta série.

As autoridades do setor de educação israelense afirmam que a nova iniciativa, chamada de Ya Salam, vai transformar o ensino do idioma em uma ponte cultural e promover a tolerância entre judeus e árabes.

De acordo com a repórter da BBC para o Oriente Médio Shahzeb Jillani, até o momento em Israel, nas escolas árabes, as crianças são obrigadas a aprender o hebraico. Por outro lado, as crianças israelenses mais velhas podem optar se querem ou não aprender o idioma árabe – algo que o novo programa pretende mudar.

Segundo o jornal Haaretz, o aumento na demanda de matrículas de estudantes em aulas do idioma árabe levou as autoridades do Ministério da Educação israelense a repensar o currículo nacional.

“Vivemos em um país que tem dois idiomas oficiais”, afirmou Shlomo Alon, chefe do setor de Educação Árabe e Islâmica no Ministério da Educação israelense, ao Haaretz.

“Estudar o árabe vai promover tolerância e transmitir uma mensagem de aceitação”, acrescentou.

Alon afirmou ainda que o Ministério está interessado no reconhecimento de todos os cidadãos do Estado e em dar oportunidade para professores de árabe na educação israelense. Existem cerca de mil professores de árabe, a maioria deles judeu.

“O Estado quer a igualdade completa de cidadania. Não vamos lidar com conflitos tendo como base a identidade cultural”, disse.

Fonte: BBC Brasil

Anúncios

11 Respostas to “Escolas públicas de Israel terão ensino obrigatório de árabe”

  1. Boa medida. Mostra que existe gente séria em Israel apesar de tudo.

  2. O que eu mais queria ver é a iniciativa da paz partir de Israel.tenho a certesa que so assim se poderia chegar a um entendimento.O povo Israelense deseja a paz o povo Arabe tambem.Que a vontade da maioria deles se faça vontade politica.

  3. Uma decisão louvavel, nós que criticamos, com razão, a política de segregação e violencia de Israel, devemos aplaudir esta iniciativa. Arabes e Judeus são povos irmãos, devem viver em armonia.Devem acabar com a idiotice de que um é o povo escolhido por deus e o outro.

  4. Boa medida!

  5. Já é um bom início, agr q se desarme as mentes,e q os falcões sejam colocadosme gaiolas,pax,shalom ,pace e paz.

  6. Israel para mim, é o único país do planeta que tem condição de resolver esta questão.
    pressionar Israel;um país que tem influência na política externa americana dos EUA e até as vezes interna,influência na mídia ocidental,no sistema financeiro mundial,…ETC.
    É tarefa de Hércules para qualquer um.

  7. Democracia é isso e vejam Israel nem tem uma constituiçao escrita, formal. Tem muito a ensinar a muita gente ali pertinho mesmo e longe tambem.

  8. É gente so precisamos ver a real causa desta atitude, sem sombra de duvida louvavel, contudo o mossad deve estar super feliz pois terá mais agentes com maior qualificação para serem infiltrados nos paises de lingua arabes.

  9. Jose Vanildes Luiz :
    Democracia é isso e vejam Israel nem tem uma constituiçao escrita, formal. Tem muito a ensinar a muita gente ali pertinho mesmo e longe tambem.

    É uam teocracia, da mesma forma q o Irã, quem manda são os religiosos, e quem ataca os vizinhos é esse maravilhoso estado SSioniSStra, tem até enclaves dno país vizinho ,a Palestina. :-)

  10. Jose Vanildes Luiz :
    Democracia é isso e vejam Israel nem tem uma constituiçao escrita, formal. Tem muito a ensinar a muita gente ali pertinho mesmo e longe tambem.

    É uam teocracia, da mesma forma q o Irã, quem manda são os religiosos, e quem ataca os vizinhos é esse maravilhoso estado SSioniSStra, tem até enclaves no país vizinho ,a Palestina. ;-)

  11. É uma iniciativa pioneira e história mas infelizmente a caterva raivosa e dita “antiimperialista”, que aplaude de pé os discursos raivosos de Adolfinejad, teima em não reconhecer assim como não reconhecem o fato de que Israel é a única democracia no Oriente Médio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: