Articles

BULAVA Chinês???

In Conflitos, Defesa, Geopolítica, Mísseis on 28/08/2010 by E.M.Pinto Marcado: , , ,

https://i2.wp.com/www.china-defense-mashup.com/wp-content/uploads/2009/10/jl-1.jpg

Defense & Professional tradução: Angelo D. Nicolaci

Similar aos mísseis balísticos Bulava russo que preocupa os estrategistas americanos, o último relatório do Pentágono sobre o poderio militar da China revela que os esforços chineses para desenvolver um novo míssil nuclear baseado em submarinos têm tido problemas. Outros desenvolvimentos na dissuassão nuclear descrita no relatório anual do Pentágono, destaca a evolução da República Popular da China, que inclue uma implantação lenta de novos mísseis móveis terrestres, comando nuclear e os desafios da cadeia de controle.

Programa Naval Nuclear

Enquanto o primeiro SSBN Type 094 da nova Classe “Jin” é lançado ao mar “parecendo pronto” e com mais quatro possivelmente construção, o desenvolvimento do míssil balístico Julang-2 de longo alcance para esta nova classe de submarinos Balísticos encontrou dificuldades.

O relatório revela que o novo míssil foi “falhou na última rodada de testes de vôo.”

O mais recente revés continua sendo os mesmos problemas que têm caracterizado programa naval nuclear na China ao longo dos anos. O primeiro SSBN (Type 092) produziu apenas um submarino, o Xia, que nunca navegou em uma patrulha de dissuasão. Mesmo após uma revisão longa recentemente, o Pentágono descreve o estado de funcionamento do sistema de mísseis Xia Julang-1 como “questionáveis”.

O programa do submarino nuclear de ataque também parece desafiador, com apenas dois submarinos da classe Shang (Type 093)operacionais, a mesma do ano passado e quatro antigos da classe Han (Type 091) ainda estão em serviço. Em vez disso, o foco do programa nuclear de submarinos de ataque parece ter-se deslocado para a construção de uma nova classe, o Type 095. O relatório do Pentágono aponta que até cinco Type 095 podem ser adicionados nos próximos anos.

Mísseis nucleares

A introdução de novos mísseis balísticos móveis continua, mas a um ritmo lento. O DF-31 parece estagnado com 10 mísseis, o mesmo que no ano passado. O número de mísseis intercontinentais DF-31AS aumentou de 10 no ano passado para 15 no relatório deste ano.

Provavelmente como resultado possível do atraso na implantação do novo DF-31, o número de antigos mísseis a combustível líquido DF-3A e DF-4 continuam os mesmos do ano passado.

Apesar de uma exibição forte na parada militar em Pequim no ano passado, o número de lançadores DF-21 não aumentou em comparação com o ano passado. O número de mísseis é um pouco maior, 85-90 mísseis contra 60-80, provavelmente refletindo as versões convencionais de DF-21C.

O relatório continua as previsões dos anos anteriores que um ICBM móvel novo pode estar em desenvolvimento, possivelmente uma referência ao esquivo DF-41 ou outro sistema. O novo míssil é descrito como “possivelmente capaz de transportar vários ogivas independentes no veículo de reentrada (MIRV).

Os relatórios precedentes relataram o desenvolvimento da tecnologia MIRV por muitos anos, mas sempre concluiu que a tecnologia de mísseis móveis MIRV seria muito difícil e cara. A referência a capacidade MIRV ICBM é nova, mas ela vem com uma série de advertências: “pode estar em desenvolvimento”, e “possivelmente capaz de realizar” MIRV.

Um sistema MIRV que, se implantado, representa uma mudança significativa na estratégia de emprego nuclear chinês. A Rússia e os Estados Unidos tem implantado sistemas MIRV para melhorar o direcionamento contra alvos militares. A razão secundária – para o Reino Unido foi provavelmente a principal razão – era surpreender as defesas contra mísseis.

Ao invés de uma maior concentração, a motivação para prosseguir o programa do MIRV chinês provavelmente é o aparecimento de sistemas de misséis balísticos mais avançados nos EUA e Rússia. Na fase 4 da administração Obama, Phased Adaptive Approach (PAA) inclui uma capacidade de defesa anti-mísseis balísticos contra mísseis balísticos intercontinentais em torno de 2020. Isso pode empurrar ainda mais a China no desenvolvimento de seu MIRV.


Comando e Controle Nuclear

Como era o caso em 2009, o relatório de 2010 sublinha o comando e questões de controle chineses. “A introdução de sistemas móveis criará um novo comando e controle, um novo desafio para a liderança da Chinesa, que agora enfrenta um conjunto diferente de variáveis relacionadas à implantação e as autoridades de liberação.”

Uma delas é a força emergente de SSBN, uma forma quase que inteiramente nova em implantação na postura nuclear chinesa. O relatório afirma que o CC tem apenas uma capacidade limitada para se comunicar com submarinos no mar, e a Marinha chinesa não tem experiência na gestão de uma frota SSBN que realize rondas estratégicas com ogivas nucleares em seus mísseis”.

O SSBN chinês nunca realizou uma patrulha de dissuasão estratégica (nenhuma foi realizada em 2009), e se a doutrina chinesa atual da qualquer indicação de que é duvidoso que os SSBNs irão implantar ogivas nucleares para mísseis em tempo de paz. Mas a ausência de experiência operacional e a capacidade de comunicação limitada levanta sérias questões sobre a proficiência o que pode criar problemas em uma crise.

O relatório levanta questões similares com a nova geração de mísseis terrestres móveis. Embora a China tenha operado mísseis móveis de médio alcance ao longo de décadas, a delegação da autoridade de lançamento em uma crise para unidades de pronta resposta suscita questões sobre o controle de uso, estabilidade de crise, e mal-entendidos.

E há “poucas provas”, segundo o Pentágono, que os líderes civis e militares da China já tenham pensado nos efeitos globais e sistêmicos que estariam associados com o emprego desses recursos estratégicos.”

Apesar destas questões e especulações nos relatórios anteriores do Pentágono e possíveis mudanças na doutrina nuclear da China, nomeadamente as condições para a sua política de não-utilização, o relatório de 2010 conclui que “não houve nenhuma indicação de que os líderes nacionais estão dispostos a atribuir tais nuances e ressalvas para a doutrina China de não primeiro uso.


Fonte: Geopolítica Brasil

Anúncios

15 Respostas to “BULAVA Chinês???”

  1. O dragão alçando altos voo, e a águia descendo, descendo,ele vão chegar ao bulava deles, qustão de tempo e bons spay.

  2. Bom seria se estivessemos no mesmo patamar no tocante a armamento nuclear! Quem o tem, tem poder de decisão! Não existe pais pacífico que seja respeitado pelos grandes! A independência custa caro, e acho que deveriamos pagar o preço!

  3. Os caras estão vindo com tudo,resta saber para quem é tudo isso?.

  4. Dissuassão é bomba atomica e balisticos Intercontinentais e pra fazer isso não precisamos de ninguem então o que falta?

  5. 1maluquinho o que falta é CORAGEM.

  6. É lamentável com oalguns exaltam os chineses sem lembrar do pobre povo chinês.

    É fácil “desenvolver” tantas armas assim deixando o povo na miséria, com salários de fome, sem direitos, sem hospitais, sim, não venham falar das maravilhas médicas chinesas que são mostradas no ocidentre, pois só quem já viu / pesquisou o interior da China sabe do que estou falandop.

  7. Fábio :
    É lamentável com oalguns exaltam os chineses sem lembrar do pobre povo chinês.
    É fácil “desenvolver” tantas armas assim deixando o povo na miséria, com salários de fome, sem direitos, sem hospitais, sim, não venham falar das maravilhas médicas chinesas que são mostradas no ocidentre, pois só quem já viu / pesquisou o interior da China sabe do que estou falandop.

    Eu concordo com voce Fabio mas ja pensou que tudo que fossemos discutir sobre assuntos militares ficassemos lembrando de desigualdades?Olhe nosso caso com um vasto territorio e oceano a resguardar,quando falamos de modernização muitos acham deswnecessario e priorizam mais justiça social.Não que eu seja isso meu amigo e tambem nosso caso é mais descaso politico e falta de sensibilidade da propria sociedade do que uma politica desumana como a Chinesa.Quem não tem como proteger o que tem pode ficar sem e isso influi em tudo inclusive na resolução das desigualdades.Segurança,educação e saude é o basico para desenvolvermos uma sociedade mais justa.E quando falamos em segurança não é so a segurança publica mas tambem a Nacional.Chineses,Americanos,Russos,Iranianos e etc tem seus deifeitos e virtudes assim como nós.Devemos a tudo observarmos e absorver para nós tudo o que podera vir nos acrescentar.Bom Domingo a ti amigo.

  8. Não estamos exaltando os chineses, eu adoraria ver o mundo em paz onde não houvesse armas nucleares, mas a realidade é outra!
    Desenvolver uma boa tecnologia militar é dever de qualquer País para defender seu território.

  9. Deveria se chmar “Repúplica Popular Máquina de Xerox”
    E tem gente que acha maravilhoso um país que só tem a capacidade de copiar o que já existe.
    Quero ver quanto tempo a China vai se manter desta forma?
    É brincadeira?…

  10. Alessandro meu caro, a maior potencia do século passado foi a Alemanha nazista, Tecnologicamente nem se fala, os caras inventaram o motor.. ou seja tudo q tem motor eles eram melhores, carros, tanques, aviões, navios.. em fim, era uma revolução industrial inteira a frente de todos… Nada menos que o MUNDO TODO teve que se unir para conseguir derrotar os nazistas e com dificuldade.. ganhamos por ter mais numero e melhor aliança, não por tecnologia, se não fossem os russos…

    Enfim apos a segunda guerra todos os vitoriosos conquistaram~não so o territorio alemão, a maior comquista foi o conhecimento a tecnologia, TODOS copiaram os alemães.. isso é natural.. todo progresso é em cima de algo q ja existe, primeiro de copia depois melhora um pouco.. e assim vai.. os Chineses estão certíssimos!

  11. Caro Jehann concordo com vc quando fala que as superpotências copiaram e anexaram o que os nazistas criaram. Porém, houve uma MELHORIA naquilo que foi copiado dos alemães.
    A questão é que o chineses não melhoram nada pelo contrário, basta ver o nível de qualidade dos produtos chineses da pra ver só de olhar a baixa qualidade dos mesmos.
    Eu se fosse responsável por comprar material bélico para uma nação jamais compraria um avião ou seja lá o que for fabricado na China.
    A questão é que com mão de obra quase escrava pois os salários são rídiculos qualquer nação se transforma em uma potência como a China o problema que ninguém quer ver é que a China e uma potência que foi fundada em cima de um monte de areia.
    Essa potência uma hora vai ter alguns problemas de ordem tecnológica pq os Russos que transferiram parte desta tecnologia já estão fechando as portas a em alguns países UE ja estão se fechando para produtos chineses nos EUA mesmo no congresso políticos conservadores já começaram a pressionar pela volta dos empregos que eles perderam por empresas americanas teram se instalado na China.
    E não me venham com essa história de que a China tem pepéis americanos e que a economia americana depende da China. Se os Eua disserem que não pagam não vão pagar e acabou quero ver quem o o que que vai dizer ao contrário.
    Força militar contra os Eua já foi dito e provado que se os americanos ficarem 20 anos sem fazer uma aquisição militar nova mesmo assim ainda seriam a maior potência militar do mundo só tendo um país que pode se igualar e essa nação não é a China e sim a Rússia.
    Portanto essa história de que a china vai dominar tudo e que vai passar os Eua que é isso e aquilo, é a mesma que vejo alguns dizerem que a rússia já era que vai quebrar, fechar, acabar e etc..
    CarlosIV , napoleão, Hitler e etc também acharam isso em relação a Rússia.

    Abraços..

  12. alessandro :Caro Jehann concordo com vc quando fala que as superpotências copiaram e anexaram o que os nazistas criaram. Porém, houve uma MELHORIA naquilo que foi copiado dos alemães.A questão é que o chineses não melhoram nada pelo contrário, basta ver o nível de qualidade dos produtos chineses da pra ver só de olhar a baixa qualidade dos mesmos.Eu se fosse responsável por comprar material bélico para uma nação jamais compraria um avião ou seja lá o que for fabricado na China.A questão é que com mão de obra quase escrava pois os salários são rídiculos qualquer nação se transforma em uma potência como a China o problema que ninguém quer ver é que a China e uma potência que foi fundada em cima de um monte de areia.Essa potência uma hora vai ter alguns problemas de ordem tecnológica pq os Russos que transferiram parte desta tecnologia já estão fechando as portas a em alguns países UE ja estão se fechando para produtos chineses nos EUA mesmo no congresso políticos conservadores já começaram a pressionar pela volta dos empregos que eles perderam por empresas americanas teram se instalado na China.E não me venham com essa história de que a China tem pepéis americanos e que a economia americana depende da China. Se os Eua disserem que não pagam não vão pagar e acabou quero ver quem o o que que vai dizer ao contrário.Força militar contra os Eua já foi dito e provado que se os americanos ficarem 20 anos sem fazer uma aquisição militar nova mesmo assim ainda seriam a maior potência militar do mundo só tendo um país que pode se igualar e essa nação não é a China e sim a Rússia.Portanto essa história de que a china vai dominar tudo e que vai passar os Eua que é isso e aquilo, é a mesma que vejo alguns dizerem que a rússia já era que vai quebrar, fechar, acabar e etc..CarlosIV , napoleão, Hitler e etc também acharam isso em relação a Rússia.
    Abraços..

    Alessandro
    A China já não é esse brinquedinho que se comprava no Paraguai antigamente, eles já fabrincam coisas com tecnologia de boa qualidade. Observe que um dos princiapais mercado de produtos chineses são os EUA. Não entra qualquer bujiganga lá. Eles são mestres em engenharia reversa. É isso que eles fizeram com os bulava russos e outros inventos de origem estadunidense.
    Um abraço.
    robson

  13. em tem

    robson camara :

    alessandro :Caro Jehann concordo com vc quando fala que as superpotências copiaram e anexaram o que os nazistas criaram. Porém, houve uma MELHORIA naquilo que foi copiado dos alemães.A questão é que o chineses não melhoram nada pelo contrário, basta ver o nível de qualidade dos produtos chineses da pra ver só de olhar a baixa qualidade dos mesmos.Eu se fosse responsável por comprar material bélico para uma nação jamais compraria um avião ou seja lá o que for fabricado na China.A questão é que com mão de obra quase escrava pois os salários são rídiculos qualquer nação se transforma em uma potência como a China o problema que ninguém quer ver é que a China e uma potência que foi fundada em cima de um monte de areia.Essa potência uma hora vai ter alguns problemas de ordem tecnológica pq os Russos que transferiram parte desta tecnologia já estão fechando as portas a em alguns países UE ja estão se fechando para produtos chineses nos EUA mesmo no congresso políticos conservadores já começaram a pressionar pela volta dos empregos que eles perderam por empresas americanas teram se instalado na China.E não me venham com essa história de que a China tem pepéis americanos e que a economia americana depende da China. Se os Eua disserem que não pagam não vão pagar e acabou quero ver quem o o que que vai dizer ao contrário.Força militar contra os Eua já foi dito e provado que se os americanos ficarem 20 anos sem fazer uma aquisição militar nova mesmo assim ainda seriam a maior potência militar do mundo só tendo um país que pode se igualar e essa nação não é a China e sim a Rússia.Portanto essa história de que a china vai dominar tudo e que vai passar os Eua que é isso e aquilo, é a mesma que vejo alguns dizerem que a rússia já era que vai quebrar, fechar, acabar e etc..CarlosIV , napoleão, Hitler e etc também acharam isso em relação a Rússia.Abraços..

    AlessandroA China já não é esse brinquedinho que se comprava no Paraguai antigamente, eles já fabrincam coisas com tecnologia de boa qualidade. Observe que um dos princiapais mercado de produtos chineses são os EUA. Não entra qualquer bujiganga lá. Eles são mestres em engenharia reversa. É isso que eles fizeram com os bulava russos e outros inventos de origem estadunidense.Um abraço.robson

    Em tempo: Alessandro. Como você acha que eles alcançaram superátiv em relação aos EUA? Vedendo produtos de baixíssima qualidade para mercados exigentes?
    Um abraço.
    Robson

  14. Robson acho legal essa troca de opiniões.
    Muito legal mesmo.
    Mais quero dizer que se vc for a nova york vai ver que ta cheio de bugigangas chinesas até pirataria vindo de lá vc encontra por exemplo.
    O eua não controlam tanto assim como imaginam as pessoas.
    Bom que a China é uma potência hj niguém questiona.
    O que eu quero dizer acima é que a China é uma potencia com pés metade ferro metade barro. Ou seja uma hora vai dar pepino inclusive social pq o povo de lá vai perceber que o comunismo é apenas um disfarce de uma ditadura cruel.
    Assim como aconteceu com a URSS que tinha base espacial, satelites nucleares e toda a capacidade militar,ecônomica e tecnológica. porém o povo vivia em um estado de dificuldades grandes, assim pode acontecer com a China que tem maior parte de sua população vivendo de batata doce como única refeição e em um estado de miséria e pobreza muito grande que é maquiado pelo estado.
    Portanto continua a achar que as coisas lá não serão como acham muitos.

    Mais só o futuro vai dizer.
    Abraços.

  15. Valeu Alessandro.

    Mais faltou você explicar a questão do superávit, pois é uma questão importante para entender o processo econômico chinês. Em relação ao títulos do tesouro estadunidense, creio que os chineses já estão se movimentando para tirar essa grana gradativamente de lá.
    Bom, em relação a comparação com a queda da URSS, não dá pra comparar, pois os chineses fizeram a abertura econômica sob controle antes da derroca do PC soviético, ao envés do que aconteceu com a abertura desastrada de gorvachov que levou o bebado yeltisin ao poder apoiado pelos EUA. Esse pensamento de colocar a China na mesma circunstância do processo russo é um erro teórico e não explica a China atual. Essa análise que você faz é da década de 1990 e aqueles que apostaram nela todos erraram. Tem que entender por outro prisma.
    Segundo dados da ONU, a China conseguiu tirar 300 milhões da pobreza, isso nenhum país do mundo teve tal façanha. Se levarmos em consideração que hão lá um 1.300.000.000 de habitantes e que a China não tem nem um terço da sua população inserida no processo dinâmico da sua economia, só demonstra o tamanho do dragão.
    Agora, deve-se observar a condução do PC chinês. Se o chinês está submetido a uma ditadura como você fala, ainda assim é complicada tal afirmativa, lembre-se os chineses invandem o mundo sem se desconectar da China, eles são tentáculos chinês onde aportam. Não saem por aí pedido asilo a todo momento por cuasa do PC chinês, compreende.
    Uma pergunta Alessandro: se a China fosse capitalista sem a direção do PC ela seria o que é hoje e o povo do interior já estaria integrado a capitalismo ou a uma suposta sociedade de consumo nos moldes estadunidense? Aposto que não. Não dá pra anilisar a China dessa forma, é um erro tático diante da complexidade do mundo contemporâneo.
    Um abraço.

    alessandro :Robson acho legal essa troca de opiniões.Muito legal mesmo.Mais quero dizer que se vc for a nova york vai ver que ta cheio de bugigangas chinesas até pirataria vindo de lá vc encontra por exemplo.O eua não controlam tanto assim como imaginam as pessoas.Bom que a China é uma potência hj niguém questiona.O que eu quero dizer acima é que a China é uma potencia com pés metade ferro metade barro. Ou seja uma hora vai dar pepino inclusive social pq o povo de lá vai perceber que o comunismo é apenas um disfarce de uma ditadura cruel.Assim como aconteceu com a URSS que tinha base espacial, satelites nucleares e toda a capacidade militar,ecônomica e tecnológica. porém o povo vivia em um estado de dificuldades grandes, assim pode acontecer com a China que tem maior parte de sua população vivendo de batata doce como única refeição e em um estado de miséria e pobreza muito grande que é maquiado pelo estado.Portanto continua a achar que as coisas lá não serão como acham muitos.
    Mais só o futuro vai dizer.Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: