Articles

Colômbia e China assinam acordos de cooperação militar

In Defesa, Geopolítica, Segurança Pública, Terrorismo on 06/09/2010 by Lucasu Marcado: , , ,

https://i1.wp.com/colombiareports.com/pics/2008/11/china_colombia.jpg

A Colômbia e a China assinaram vários acordos de cooperação militar nesta segunda-feira para combater o narcotráfico e o tráfico de armas e de pessoas.

Os ministros da Defesa da Colômbia, Rodrigo Rivera, e da China, general Liang Guanglie, se reuniram em Bogotá e assinaram os acordos.

Trata-se da primeira visita à Colômbia de um ministro de Defesa da China, país que solicitou treinamento em tiro, mergulho de combate, sobrevivência e combate fluvial.

“Compartilhamos a visão de ambos os países em segurança e defesa, os desafios da Colômbia contra o narcotráfico e o terrorismo e a necessidade de ambos os países de articular esforços para enfrentar o crime internacional, especialmente o tráfico de drogas, o terrorismo, o tráfico de pessoas e o tráfico de armas”, disse Rivera.

Os dois ministros concordaram em aumentar os cursos de treinamento dos funcionários militares nos dois países.

“Vamos continuar nossa cooperação na formação do pessoal, e em diversas especialidades. E vamos continuar nossa cooperação na assistência militar”, declarou Liang.

A China ofereceu ajuda de 1 milhão de dólares à Colômbia para a compra de material logístico.

A visita de Liang é parte de uma turnê que inclui México e Brasil.

Fonte: Estadão

Nota do Editor:

Bem debaixo do nosso nariz!!

Lucasu.

Anúncios

14 Respostas to “Colômbia e China assinam acordos de cooperação militar”

  1. A INDUSTRIA DAS DROGAS.

    A retórica muitas vezes é interessante,vejamos:
    Quando o governo colômbiano quer capitalizar recursos financeiro com o tio Sam e europeus,chama as farc´s de terroristas, que para mim são bandidos.
    Já quando vão falar com chineses,eles são mais sensatos,não por que eles estão falando com os chineses, e sim por enquadrar as farc’s no seu devido lugar,são narco-traficantes,ai eu concordo em gênero e em grau.
    O que seria da Colômbia sem as farc’s?… êin!
    O interessante é que os colombianos querem combater também o trafico de armas com recurso chinês;o México que o diga!.

  2. E NÓIZ NADA!!!!!!!!!!

  3. lucena :
    A INDUSTRIA DAS DROGAS.
    A retórica muitas vezes é interessante,vejamos:
    Quando o governo colômbiano quer capitalizar recursos financeiro com o tio Sam e europeus,chama as farc´s de terroristas, que para mim são bandidos.
    Já quando vão falar com chineses,eles são mais sensatos,não por que eles estão falando com os chineses, e sim por enquadrar as farc’s no seu devido lugar,são narco-traficantes,ai eu concordo em gênero e em grau.
    O que seria da Colômbia sem as farc’s?… êin!
    O interessante é que os colombianos querem combater também o trafico de armas com recurso chinês;o México que o diga!.

    ATENÇÃO RAPAZIADAS !

    Bandidos e terrorista é a mesma coisa, no sentido lógico da palavra,más o que está em questão aqui, é a retórica das palavras

  4. Uma boa hora para comprar algum material xing-ling que seja bom e barato.

  5. Será que os Gafanhoto EUA irá deixar ???????

  6. Agora os yankees vão ficar furiosos, pois os Chinas estão querendo brincar em seu quintal, pobre USAdos, não impõe mais respeito, kkkkkkkk

  7. Do nosso nariz? E dos EUA? Como é que eles vão ver isso?

    Esse Santos tá saindo melhor que a encomenda. Visita o Brasil antes de aos EUA, assina acordo com a China. Só falta agora comprar armas da Rússia. E é bem capaz de ele deixar que as cortes contestem a licença às bases americanas. Seria um tapa na cara dos ianques.

  8. Hummmm….Interesse em tecnicas de sobrevivencia e combate fluvial é Ling Ling….Mais um governo buscando nossos vizinhos para se especializarem em Amazonia….Sejam bem vindos ao verdadeiro inferno na Terra….O Diabo Olubi adora carne nova.

  9. hummm.. o q. é o q. é tem cinco mandando e mais de 140 seguindo….

    acorda gente… rsrsrs

  10. E “ling ling” vem fazer o que aqui no brasil?
    vender uns j-11 bem ‘balatinho’?

  11. Os chineses tem na sua fronteira o Afeganistão sob administração estadunidense, produzindo ópio e haxixe adoidado, garantia de tráfico de drogas dentro do país deles…

  12. Os chinas estao chegando, devagar e sempre. Buscam contrapor a influencia americana na regiao.

  13. lucena :
    A INDUSTRIA DAS DROGAS.
    A retórica muitas vezes é interessante,vejamos:
    Quando o governo colômbiano quer capitalizar recursos financeiro com o tio Sam e europeus,chama as farc´s de terroristas, que para mim são bandidos.
    Já quando vão falar com chineses,eles são mais sensatos,não por que eles estão falando com os chineses, e sim por enquadrar as farc’s no seu devido lugar,são narco-traficantes,ai eu concordo em gênero e em grau.
    O que seria da Colômbia sem as farc’s?… êin!
    O interessante é que os colombianos querem combater também o trafico de armas com recurso chinês;o México que o diga!.

    Estão sabendo usar o q eles tem em proveito próprio, é nós? Eu esparava q eles pedissem a nós essas benesses, seus aliados + antigos na AS. Aê tem mt + coisas q eu e outros ainda ñ enxergamos.Vamos esperar.Sds.

  14. No no obligado no…J11 solta peçinhas pelo caminho no ainda no…São produtos como o antigo CCE-consumidor comprou errado.Ainda vai levar algumas decadas para receberem o selo do Instituto Nacional de Pesos e Medidas,subsessão PEPINOS CADENTES.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: