Articles

Os Russos estão chegando

In Defesa, Defesa Anti Aérea, Helicópteros, Mísseis, Negócios e serviços, Sistemas de Armas on 20/09/2010 by E.M.Pinto

https://i2.wp.com/www.precise3dmodeling.com/models/images/mi-35/mi35_front.jpg

Confirmando a notícia que havíamos recebido anteriormente e que foi comentada para um círculo de pessoas e inclusive parcialmente publicada pelo amigo Roberto Silva do DEFESA BR, os Russos estão Chegando.
https://i1.wp.com/www.precise3dmodeling.com/models/images/tor-m2e/tor-m2e_front.jpg

Em pauta estão a liberação para licença de mísseis Igla que passarão a ser produzidos no Brasil.

A aquisição de 18 helicópteros de ataque Mil Mi 35  e a aquisição de baterias de defesa anti aérea Tor M2 para o Exercito.

PS: Vem mais por ai…

https://i0.wp.com/ttp2.dslyecxi.com/images/threat_igla.jpg

Segue a matéria que hoje saiu na Isto é.

O Ministério do Desenvolvimento acertou a visita de uma grande comitiva empresarial russa, que desembarcará em Brasília no início de outubro. O pacote de ofertas na área militar inclui um novo lote de 18 helicópteros de combate MI-35M, além de três baterias antiaéreas Tor-M2. Os russos trazem na mala o direito de fabricação de mísseis portáteis Igla, que o Brasil já tentou produzir. Dentre os negócios na área civil. Moscou vai oferecer satélites de comunicação para aviação comercial e reatores nucleares. O governo brasileiro aproveita para tratar do embargo russo à carne brasileira.

Fonte: Isto é

Anúncios

59 Respostas to “Os Russos estão chegando”

  1. sera que vai firmar estas propostas mesmo?

  2. eu so acredito vendo

  3. é…
    como diria o funk
    “O bagulho tá sério, vai rolar o adultério”
    …e a mulher traída vai ser a Tia Hillary

    :D

  4. Cara, acho que já disse isso aqui no forum mas “SOU ATEU, MAS QUE DEUS TE OUÇA”!

  5. Material russo é confiável, robusto e de fácil manuseio. Pelo menos o básico para qualquer exército. Sejam benvindas as parcerias!

  6. Se estes helis vierem para o EB, que venham os MI 28!
    O meu sonho era o Brasil mandar o FX 2 para as cucuias e investir neste avião de 5ª geração produzidos pelos russos.
    Precisamos alem disso, dos MI 26, para transporte de cargas e tropas! No minimo uns 15, ja esta bom.
    Além disso precisamos dos misseis S 300!

  7. O pacote é bom!!!!!!!!!Mas só três baterias antiaéreas Tor-M2!!!!!É pouco para o tamanho do Brasil!!!!!!Talvez seja apenas o primeiro lote!!!!

  8. Jeferson, é isto mesmo, tanto os Helicópteros como as baterias são de lotes iniciais.
    Passarão por avaliações e após estabelecidos os parâmetros e doutrinas de operação pode-se dar um passo maior.
    Tudo ao seu tempo.
    Sds
    E.M.Pinto

  9. Alguém sabe porque não saiu a fábrica de blindados russa no Rio Grande do Sul?
    Já faz ums 2 anos e nada.

  10. Simples!!!!!!Sou Gaúcho!!!!!!Faltou incentivo do governo daqui!!!!!!

  11. Finalmente parece que o MD tamara alguma decisão real em relação a compras, e sendo russas estas armas melhor, muito melhor mesmo!!

    Que chegue logo este primeiro lote de TOR… mas cada bateria se refere a um veiculo ou a uma bateria estilo Rússia, com 6 veículos de lançamento+6 de transporte para recarga+ um de comando e um de radar. Mesmo que cada veiculo seja independente tendo o próprio radar, parece que os russos colocam eles em uma doutrina menos “livre” para a ação no campo, usam uma versão de radar para distinguir e guiar as unidades de lançamento, tentando impedir a repetição de lançamento a uma aeronave inimiga… mas creio que se tratando de Brasil seja somente um veiculo destes sendo interpretado como bateria, infelizmente.

    Valeu!

  12. “mas creio que se tratando de Brasil seja somente um veiculo destes sendo interpretado como bateria, infelizmente”

    Espero sinceramente que não, e, já que é pra sonhar, bem que poderiam entrar os S-400 e os Sukhoi (Su-35BM e Su-34 Fullback) na negociação, além de jatos de treinamento Yak-130 e cargueiros An-70 e An-124…

    Nossa, seria o sonho…

  13. O Brasil se aproximando da India,”fazendo ” as pazes com os gringos e comprando material russo isso parece a pa de cal no acordo com os franceses.

  14. Materia parece incompleta. Os Russos vem com uma gigantesca comitiva e nos nada mais temos que bife a milanesa a tratar com eles.
    Equipamento Russo tem fama ruin perante conflitos com mesmos americanos mas o problema maior da Russia se chama Manutencao e pecas de reposicao. Pode se explicar que alguns equipamentos russos foram testados em maos arabes e os Israelis conduzem as americanas portanto…

  15. Gostaria que o Brasil investisse mais em armametos russos, principalmente misseis SS-300 espalhados pela costa brasileira, e tambem com uns 60 Su-35.
    Seria otmo para dar dor de cabeça em quem quizesse invadir nosso territorio, além do mais os Ianques ia ficar morrendo de odio, e poderia até pintar uma transferençia de tecnologia para nós, se fizessemos uma compra grande dos russos.
    Poderiamos fazer uns clones desses armamento à moda da China,comprar,desmontar,
    aprender,e fabricar, se os chineses fazem assim tb poderiamos fazer!!!

  16. Ontem encontrei o Papai Noel, o Saci e o Coelhinho da Pásco…vcs duvidam? Eu acredito… rsrsrs

  17. Boas notícias, especialmente a do IGLA sendo produzido sob licença aqui. Para os demais, seria interessante algum OffSet tecnológico como montagem de lotes subsequentes por alguma indústria nacional, com % crescente de nacionalização.

    []’s

  18. Luiz9medeiros :
    é…
    como diria o funk
    “O bagulho tá sério, vai rolar o adultério”
    …e a mulher traída vai ser a Tia Hillary

    Tem um Funkzinhu que toca aqui no Rio assim…”DE TANTO ENSISTIR,DE TANTO EMPURRAR,VOCE NÃO AGUENTOU,VOCE NÃO RESISTIU,A PORTA SE ABRIU”…Que venham engrossar nossas fileiras,as Forças e o povo agradecem….Mas…E o viãozinhu heim…Rafalle acho meio dificil depois das abobrinhas Francesas…Hummm….O sorrisinho de Jobim no Pentagono…Acho pouco provavel,pois a repercução Nacional vai ser barulhenta….SU35BM,quem sabe….J11,talvez….iiii,sei não.

  19. Antes cogitavasse 18 baterias.Agora são 3???# ou 18,isso é o suficiente para proteger o Brasil de um ataque de misseis ou o suficiente para proteger o Palacio do Planalto dos descontentes?????

  20. Que venham os S 300,S 400 e os S 500,SE possivel com transferencia de tecnologia.

  21. S 500 nao da, lembra do tratado, assinado junto a Argentina.
    Que limita o alcance de misseis!
    Na realidade o pacote pode ser muito maior, o Brasil necessita de um MBT, de aviões de transporte com no minimo 60 toneladas, de tecnologia para desenvolver misseis navais, de um caça de 5ª geração, stheath.
    De helis de transporte de tropas, o MI 26 é uma joia, pois além de poder ser utilizado como transporte de tropas, pode transportar cargas.

  22. carlos :
    Materia parece incompleta. Os Russos vem com uma gigantesca comitiva e nos nada mais temos que bife a milanesa a tratar com eles.
    Equipamento Russo tem fama ruin perante conflitos com mesmos americanos mas o problema maior da Russia se chama Manutencao e pecas de reposicao. Pode se explicar que alguns equipamentos russos foram testados em maos arabes e os Israelis conduzem as americanas portanto…
    E o comando da OTAN pediu que a Russia fornecesse equipamentos russos pra eles operarem no Afeganistão.

  23. leonardo_sp :
    sera que vai firmar estas propostas mesmo?

    Daniel Rosa :
    Cara, acho que já disse isso aqui no forum mas “SOU ATEU, MAS QUE DEUS TE OUÇA”!

    LOBO DO MAR :
    Material russo é confiável, robusto e de fácil manuseio. Pelo menos o básico para qualquer exército. Sejam benvindas as parcerias!

    Daniel Rosa :
    Cara, acho que já disse isso aqui no forum mas “SOU ATEU, MAS QUE DEUS TE OUÇA”!

    Ñ sou ateu, é nem atoa,tô + feliz q pintinho no lixo com essa noticia, e devemos sim honrar n compromissos com os francos, apesar de td. Bem na hora, Sds.

  24. Na minha opinião o Brasil deve investir mais em armamentos com a Russia do q com os Estados Unidos.

  25. Buk-M2 é melhor que o Thor. pra mim, se fossemos comprar esse equipamento, a primeira opção seria mais interessante

  26. jakson almeida :

    carlos :
    Materia parece incompleta. Os Russos vem com uma gigantesca comitiva e nos nada mais temos que bife a milanesa a tratar com eles.
    Equipamento Russo tem fama ruin perante conflitos com mesmos americanos mas o problema maior da Russia se chama Manutencao e pecas de reposicao. Pode se explicar que alguns equipamentos russos foram testados em maos arabes e os Israelis conduzem as americanas portanto…
    E o comando da OTAN pediu que a Russia fornecesse equipamentos russos pra eles operarem no Afeganistão.

    AMIGO….Desde o ano passado eles trabalham forte nos bastidores de Brasilia…Hummm…Tem ate a expectativa de SUs fabricados aqui do zero entre outras coisas.E aquela visitinha Chinesa sorrateira no 7 de setembro não so pra convidar-nos para treinarmos com eles como afirmam…Agradem…Vem novidades ai…Pensei que não ia a frente mas to vendo que vai.

  27. Se eles não liberarem a entrada de nossas carnes no país deles,
    acho que não vai ter acordo nenhum… o.o

  28. Caramba!!!!

  29. leonardo_sp :eu so acredito vendo

    Assino abaixo
    Nao preciso dizer mais nada!!

    Saudacoes

  30. “nóis vai de istilingue!”

  31. carlos argus :

    leonardo_sp :sera que vai firmar estas propostas mesmo?

    Daniel Rosa :Cara, acho que já disse isso aqui no forum mas “SOU ATEU, MAS QUE DEUS TE OUÇA”!

    LOBO DO MAR :Material russo é confiável, robusto e de fácil manuseio. Pelo menos o básico para qualquer exército. Sejam benvindas as parcerias!

    Daniel Rosa :Cara, acho que já disse isso aqui no forum mas “SOU ATEU, MAS QUE DEUS TE OUÇA”!

    Ñ sou ateu, é nem atoa,tô + feliz q pintinho no lixo com essa noticia, e devemos sim honrar n compromissos com os francos, apesar de td. Bem na hora, Sds.

    Carlos, não só você, mas creio que a maioria aqui no blog estão felizes com essa notícia. Sairmos de AA 40mm, para misseis estado de arte, engrossarmos nosso efetivo de helicópteros de ataque, passarmos a fabricar nossos MSA de ombro é um grande salto! Tudo o que vier para aumentar nossa efetividade bélica é bem vindo! Claro que, observando-se alguns critérios. Não basta comprar sem saber usar, e é claro, este não é o caso do nosso Exercito, para quem devem ir os misseis, ou a FAB, no caso dos helicópteros, se bem que nosso Exercito também precisa, e quer, esse tipo de vetor.
    Gostaria que todas as noticias nesse sentido postadas aqui se tornassem realidade! Meu sonho é ver um pais forte, tanto econômica como militarmente.
    Um abraço e boa semana.

  32. 1maluquinho :

    jakson almeida :

    carlos :
    Materia parece incompleta. Os Russos vem com uma gigantesca comitiva e nos nada mais temos que bife a milanesa a tratar com eles.
    Equipamento Russo tem fama ruin perante conflitos com mesmos americanos mas o problema maior da Russia se chama Manutencao e pecas de reposicao. Pode se explicar que alguns equipamentos russos foram testados em maos arabes e os Israelis conduzem as americanas portanto…
    E o comando da OTAN pediu que a Russia fornecesse equipamentos russos pra eles operarem no Afeganistão.

    AMIGO….Desde o ano passado eles trabalham forte nos bastidores de Brasilia…Hummm…Tem ate a expectativa de SUs fabricados aqui do zero entre outras coisas.E aquela visitinha Chinesa sorrateira no 7 de setembro não so pra convidar-nos para treinarmos com eles como afirmam…Agradem…Vem novidades ai…Pensei que não ia a frente mas to vendo que vai.

    A melhor pespectiva de melhora do ano!!!
    Para fechar o ano com chave de ouro, essa compra seria o máximo…
    Depos que as baterias chegarem aqui, pega umas 10 empresas de tecnologia,
    e faz um chek-list de tudo… e vamos pegar o conhecimento e melhorar…
    Imagine depois nos com esse equipamento melhorado e missil de cruzeiro AVMT-300 km e
    com o A-Darte!!
    Começando a melhorar as coisas…

    meu amigo sinto que se sabe de mais alguma coisa…
    pode confiar, abra seu coração!! rs

  33. Maravilhosa esta noticia, se vierem esses ja ta começando a ficar bom, mais 18 Mil mi 35, a fabricação dos Igla e apenas 3 Thor para começar ja ajudam um pouco, mas queremos mais, Kamov ka-52, Mil-mi-26, S-300, ai ja daria um trabalho maior né, mas se vierem estes anunciados ja esta ótimo tambem

  34. Está se desenhando uma aliança armada dos BRIC? Aproximação dos emergentes na área militar para fazer frente ao CS capitaneada pelos EUA?
    De minha parte sempre considerei importante nunca depender de um único fornecedor, e se teu fornecedor sabe que pode comprar de outro ele acaba fazendo concessões e vejo nesta atitude do Ministério da Defesa forma de conseguir algo a mais dos fornecedores tradicionais de material bélico.

  35. Mas e a nova parceria com os americanos, que foi assinada pelo NJ? Será que os americanos vão nos deixar comprar os MI-35 e os Iglas agora? Infelizmente agora o Brasil tá ferrado pra valer.

  36. Fico satisfeito com a possível aquisição. Mas fico preocupado com o pós-venda. Os Russos têm fama de ter um péssimo sistema de pós-venda e de manutenção. Se a coisa tender para equipamentos russos, sugiro que os nossos engenheiros militares estejam preparados para nacionalização de componentes críticos e implementação de melhorias. Sem falar em garantir um bom estoque de sobressalentes.

  37. Carlos Augusto :Mas e a nova parceria com os americanos, que foi assinada pelo NJ? Será que os americanos vão nos deixar comprar os MI-35 e os Iglas agora? Infelizmente agora o Brasil tá ferrado pra valer.

    Acho que não tem nada haver uma coisa com outra.

    Só gostaria que o EB comprasse helis realmente de ataque. Pode ser o KA 52….

  38. Assim como so primeiros MIs as Thor vem serem avaliadas por nós e agradando e certamente agradarâo virão outras.O problema é nosso gigantismo territorial que requer um sistema de avantajado e destribuido estrategicamente.Não me agradam certas localizações de instalações proximas a costa e proximas a centros populacionais.Deveriamos pensar nestes detalhes tambem…Que honremos o que ja esta acordado pois somos um povo correto mas que reveja-se o topico caças…SUs apesar de algumas resistencias é uma maquina robusta de grande autonomia e sofisticada que nos serviria muito bem.

  39. 1maluquinho :Assim como so primeiros MIs as Thor vem serem avaliadas por nós e agradando e certamente agradarâo virão outras.O problema é nosso gigantismo territorial que requer um sistema de avantajado e destribuido estrategicamente.Não me agradam certas localizações de instalações proximas a costa e proximas a centros populacionais.Deveriamos pensar nestes detalhes tambem…Que honremos o que ja esta acordado pois somos um povo correto mas que reveja-se o topico caças…SUs apesar de algumas resistencias é uma maquina robusta de grande autonomia e sofisticada que nos serviria muito bem.

    Quais seriam os SUs?
    Para ataque, o SU-34 impõe respeito. Mas não sei qual seria a autonomia dele. Vc sabe?

  40. Fábio ASC :

    Carlos Augusto :Mas e a nova parceria com os americanos, que foi assinada pelo NJ? Será que os americanos vão nos deixar comprar os MI-35 e os Iglas agora? Infelizmente agora o Brasil tá ferrado pra valer.

    Acho que não tem nada haver uma coisa com outra.
    Só gostaria que o EB comprasse helis realmente de ataque. Pode ser o KA 52….

    Não vejo o que uma coisa têm a ver com a outra: Assinamos acordos com vários outros Países, e duvido que nosso governo assinaria algum acordo que tolhesse suas iniciativas.

    Uma coisa que precisamos nos lembrar é que nossos tempos de “chapéu na mão”, FMI e outras humilhações, felizmente, findaram. Agora, como Cliente e bom pagador que somos, aliado aos nossos recursos, podemos escolher o que e, principalmente, DE QUEM, compramos.

  41. BUK M2 BEM MELHOR , PARA DEFESA , AFINAL MUITOS JÁ ESTÃO NO CAÇA DE 5G, SÓ 3 BATERIAS , MUITO POUCO PARA O TAMANHO DO BRASIL,,TEMOS MUITAS USINAS,REFINARIAS ETC .

  42. O KA-52 é de dar inveja, mas este, acho que não vão comprar. Quanto ao acordo de mísseis, FERNANDO, não foi com a Argentina que foi feito e sim com os EUA, traição do FHC, o que foi feito com a Argentina foi acordo nuclear.
    As coisas com os Russos são devagar porque o Brasil continua na esfera dos EUA, por isso os russos não conseguem vender algo pro Brasil maior que um Igla, não só porque á pressão estadunidenses por aqui, mas também porque os russos não confiam em entregar uma tecnologia pro Brasil sem uma garantia vital e incondicional, não esqueçamos que por aqui tem muita vaquinha de presépio, pronta para entregar a tecnologia russa nas mãos yank, e os russos sabem muito bem isso, é preciso que eles tenham a total certeza que o Brasil não vai deixar os gringos chegarem perto dos armamentos fornecidos por eles.
    A Rússia confia nos S-300, Tor e outros sistemas de mísseis, sua segurança territorial contra qualquer invasor e principalmente contra os EUA, imagina vocês como deve ser terrível para os generais russo a possibilidade destes armamentos sofisticados caírem em mão erradas, diga-se estadunidenses. Imaginem se cai um TUCANO na presidência, ele é capaz de desmontar o armamento russo e levar pessoalmente pros EUA, sem cobrar um tusta, só pra puxar o saco…eheheh.

    Comentário extremamente relevante para um site de política mas não para o Plano Brasil, as informações também não condizem com a verdade, pois a Rússia ofereceu S-300, SU 35, e PAK FA entre outros submarinos nucleares, a opção pela não aceitação foi das autoridades brasileiras e não dos EUA ou da Rússia.
    Quanto ao posicionamento político devo salientar que as regras do Blog especificam que comentários políticos não fazem parte do escopo do Blog.
    Sds
    E.M.Pinto

  43. Ok. Observação aceita E.M.Pinto

  44. Quanto a duvida sobre o que pensam os Russos a respeito de fornecer ou não seus armamentos ao Brasil, foi uma observação que pode sim estar ligado as preocupações russas, mas é claro que eles não vão expor isso publicamente. Quanto a pressão estadunidense sobre o Brasil, para que não compre armamentos russos que possam desequilibrar a segurança, ora E.M.Pinto isso é corriqueiro noa internet, e voce mesmo ja postou aqui as ameaças nada veladas, que os gringos fizeram ao Brasil,sim. Muitas foram as veses que os EUA disseram que naão ficaria contentes com aquisições russas, principalmente quando o Brasil colocou os caças russos na cocorrencia chamada de FX. Me desculpe, mas se voce diz que os EUA nunca fizeram pressão para que o Brasil não adquirissem aviões russo ou míssis de consideravel alcance, voce ta dizendo que as pessoas que leram isso e quem postou estão vendo chifres em cabeça de cavalo.

  45. Fernando, não digo que não há pressão, ela ocorre pro exemplo agora no caso dos Sub Nuc, os Ingleses são os que mais pressionam, normal, e isto não impede que façamos acordos tal qual este que se desenha ai, até porque nós também pressionamos as limitações. para outros, o governo brasileiro tento o que pode para impedir a venda dos Su 30 para a Venezuela.
    Mas o que digo é que quem decidiu não adquirir equipamento Russo foi o Brasil e o caso dos submarinos é o exemplo, apesar da pressão a Marinha meteu o peito para frente.
    Se faltou coragem para os demais eu não duvido, só acho que eles até pressionam nós cedemos se quisermos.

    Abraço
    E.M.Pinto

  46. Ate que enfim brasil gostei se for concretizado o exercito ta se movendo pelo eles tem visão e podem surprender pois ninguem dava nada por eles

  47. Luiz9medeiros :
    é…
    como diria o funk
    “O bagulho tá sério, vai rolar o adultério”
    …e a mulher traída vai ser a Tia Hillary

    o risco esta em acordos com paises menores, e a volta da questao de ‘combate’ ao narcotrafico… se bem que, com mais de 16 milhoes de adolescentes americanos que admitem consumir drogas diariamente*, nem sei se a America Latina da conta do consumo.. (tava no site da BBC ha alguns dias atras)

  48. ito :
    Está se desenhando uma aliança armada dos BRIC? Aproximação dos emergentes na área militar para fazer frente ao CS capitaneada pelos EUA?
    De minha parte sempre considerei importante nunca depender de um único fornecedor, e se teu fornecedor sabe que pode comprar de outro ele acaba fazendo concessões e vejo nesta atitude do Ministério da Defesa forma de conseguir algo a mais dos fornecedores tradicionais de material bélico.

    Os BRICs nada mais são que uma sigla arrumada de forma “bonitinha”, a lembrar uma palavra. Não possuem laço comum, somente relações bilaterais. Estão muito, muito longe de formar concenso sobre qualquer coisa. Alguns, como Índia e China, são adversários históricos.

  49. Ainda acho que se é pra comprar material russo estamos no mínimo comprando material muito defasado. A Russia tem melhores para oferecer.

  50. Olá Cesar!!
    Aqui tem alguns dados sobre o Su-34

    Velocidade de cruzeiro: Mach 0,90
    Velocidade máxima: mach 1,85
    Razão de subida: 9000 m/min (estimado)
    Peso/Potência: 0,65
    Fator de carga: 7 Gs
    Taxa de giro: 16 º/s (estimado)
    Razão de rolamento: 200º/s (estimado)
    Raio de ação/ alcance: 1100 km/ 4000 km
    Alcance do radar: Radar Leninets B-004 com 250 km contra alvos aéreos com 5m2 e 150 km contra alvos de superfície. Radar de ré: NIIP NO-12 com 40 km de alcance.
    Empuxo: 2 motores NPO Saturn AL-31F com 12500 kg de empuxo maximo.
    DIMENSÕES
    Comprimento: 23,34 m
    Envergadura: 14,7 m
    Altura: 6,09 m
    Peso: 38240 kg (vazio)
    ARMAMENTO
    Ar Ar: Míssil R-73 Archer, missil R-27 Alamo, Missil R-77 Adder
    Ar Terra: Míssil Kh-59, missil Kh-31, missil Kh-29, missil Kh-41 Moskit, missil 3M54 E1 Klub, Bombas guiadas Kab (todas as versões), Bombas convencionais FAB (todas as versões) Foguetes não guiados de diversos calibres.
    Interno: Canhão GSH-30 de 30 mm.

    http://aircombatcb.blogspot.com/2009/04/sukhoi-su-34-fullback-o-bico-de-pato-no.html

  51. carl94fn… Muito legal. Gostei do video.

  52. Penso que o Brasil esta no rumo certo as aquisições são muito boas e devem se só o primeiro lote e deve vim muito mais por aí quanto as criticas ao TOR-M2E digo que é um sistema muito bom e que deve esta vindo mais, sem falar que como o E.M.Pinto disse uma vez deve se tratar de aprendizagem com o TOR pra depois pegarmos algo mais complexo como um S-400 (complexo e não melhor porque cada um tem sua missão TOR-M2E boa agilidade serve pra proteger as tropas em movimento o S-400 é móvel porém fica em um ponto estratégico para devesa de área).

    Quanto ao Mi-35 um excelente helicóptero ao meu vê cumpri de maneira satisfatória as missões de ataque (apoio as tropas e caça taques) e ainda pode carregar soldados (8), acho que não temos porque que comprar outro tipo de helicóptero de ataque e sim investir em mísseis anti-tanques e ar-ar nos nossos SUPER TUCANOS que são muito mais ágeis que qualquer helicóptero de ataque no MUNDO!

    Quanto a isso de o Rafale te sobrado duvido muito acho que só falta mesmo à confirmação depois das eleições, lembrem-se que a marinha deseja usar o mesmo vetor da FAB… e sobre entrar no projeto PAK FA existem muitas formas de pressionar além de comprar o Su-35, qualquer grande compra pode se usada como forma de preção se não para participar ao menos como cliente preferencial. Acho com tudo que seria de grande ajuda para nossas forças armadas (FAB e MB) a aquisição de um número em volta de 48 Su-34 e é uma forte pressão ao governo russo a nos favorecer em qualquer projeto.

    sds

  53. Hummmm….Olha…Se emplacar o que se cogita desde o ano passado nos bastidores teremos exclusividade no continente.So faltavam detalhes e parecem que eles não faltam mais.Os caras concordam em abrir tudo resta agora não termos desconfianças e acalmarmos zangadinhos e pirracentinhos…Eu não acreditava mais mas um sopro de esperança paira no ar…Brasil,acima de tudo.Liberdade.

  54. Quais seriam os SUs?
    Para ataque, o SU-34 impõe respeito. Mas não sei qual seria a autonomia dele. Vc sabe?

    35BM e quem sabe o Terminator para experimentarmos…Hummmm sabem aquele pãozinho de massa fina PAK pode entrar no forninho.

  55. CESAR….SU35BM fabricados do zero aqui e com exclusividade continental e quem sabe o Terminator para experimentarmos…Hummmm sabem aquele pãozinho de massa fina PAK pode entrar no forninho.A autonomia do SU35BM é aproximadamente 4.000km mas podem ter variações e nessa parte tecnica manjo nada.

  56. Eu gostei desse SU-35. Abrangeria quase todo o terretório nacional, se ficasse sediado em Brasília. Mas descartaram os aviões russos de cara no FX-2 dizendo que os russos transferiam tecnologia. Sei lá, derrepente os russos se arrependem e fazem outra proposta…

  57. Vamos vender mais boi para a russia barateando o quilo, revelar os segredos do nosso churrasco! e por no bolo também uma fatia de su-35’s super flankers! heuheuhe

  58. Mas nesse mesmo A Russia vai comprar o F-35 e Sukoi35 vai como?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: