Articles

Jobim discute cooperação militar nos Emirados

In Defesa, Geopolítica, Negócios e serviços on 21/09/2010 by E.M.Pinto

https://pbrasil.files.wordpress.com/2010/09/jobin.jpg?w=175O ministro brasileiro da Defesa, Nelson Jobim, está em viagem aos Emirados Árabes Unidos e se encontrou no domingo (19/9), em Abu Dhabi, com o chefe das Forças Armadas do país árabe, o tenente-general Mohammed Hamad Al Thani Rumaithi.

De acordo com informações publicadas pela agência de notícias oficial do país árabe, a Emirates News Agency (WAM), eles discutiram cooperação militar e meios para aumentar o intercâmbio na área.

O tema foi discutido por Jobim também com o príncipe herdeiro de Abu Dhabi e vice-comandante das Forças Armadas, Mohammed Bin Zayed Al Nahyan. O príncipe recebeu o ministro brasileiro, juntamente com sua comitiva, no Palácio Al Bateen, na capital dos Emirados.

Além de cooperação, os dois falaram sobre temas de interesse mútuo e trocaram opiniões sobre os últimos acontecimentos mundiais, segundo a WAM. Rumaithi acompanhou o encontro.

O ministro brasileiro conheceu ainda espaços ligados às Forças Armadas, como base aérea e centro bélico, e visitou empresas ligadas ao setor de defesa. Nesta segunda-feira, estava prevista a ida de Nelson Jobim também para Dubai.

A viagem aos Emirados fez parte de um tour internacional maior do ministro, que incluiu a passagem pela República Tcheca e pela Ucrânia.

Fonte: UOL via Notimp

Anúncios

71 Respostas to “Jobim discute cooperação militar nos Emirados”

  1. Deve ter oferecido o cargueiro brasileiro e claro, trocaram algumas ideias sobre o Rafale também.

  2. É isso ai…
    Vamos vender armas para esse povo que tem Dinheiro!!
    Astros II MKS, Astros Hank, Astros III, KC390, Mectrom/Avibras/Embraer,
    Alguem sabe informar se as empresas Brasileiras o acompanham???

  3. Será que Jobim foi propor aos EAU para racharem a conta da Jaca? No mais, parece que o MD atira para todos os lados.

  4. Mateus, eu especularia que tem bem mais por ai.
    Pra quem aposta que a jaca pode ter apodrecido eu diria que pode vir ai um doce de jaca indigesto pra muita gente.
    Aguardemos…
    SDS
    E.M.Pinto

  5. Um doce de jaca alá Brasil, India e Emirados Árabes Unidos.

  6. E.M.Pinto não fala assim, porque vai ter Jaka aqui no blog enfartando.

  7. Otima noticia! Aposto que discutiram sobre o Rafale também.
    Mais uma vez o Jobim prova que é o melhor ministro da pasta de defesa, que tivemos até o momento.
    Imagine-se só se o Rafale fecha vendas no Brasil, Emirados Árabes e India ? Diria que teremos seu desenvolvimento e manutenção garantidos por muitos anos.
    Claro, o que ia ter de “carpideiras” por aí chorando os Suecos e Americanos… :)

  8. E.M.Pinto :
    Mateus, eu especularia que tem bem mais por ai.
    Pra quem aposta que a jaca pode ter apodrecido eu diria que pode vir ai um doce de jaca indigesto pra muita gente.
    Aguardemos…
    SDS
    E.M.Pinto

    Eu fiquei com medo agora xD, o que pode ocorrer ?

  9. “Mateus, eu especularia que tem bem mais por ai.”

    Pois é Edilson… Quem sabe os caras não estejam acertando, nos bastidores, não só o apoio da França à entrada de Brasil e Índia para o CS da ONU, como também a venda casada de Rafale para os três…

    Imaginem as encomendas:

    Brasil – 120
    Índia – 126
    EAU – 60
    TOTAL – 306

    Seriam 306 aparelhos, mais 612 motores, 306 radares, 306 suites SPECTRA, etc, etc, etc. Os ganhos de escala seriam consideráveis…

    E, como o MMRCA, o FX-2 e o pedido dos EAU prevêm fabricação/montagem local, teríamos passe livre (assim como os outros países) para aumentar a quantidade de aeronaves assim que quiséssemos…

    São 120 para a FAB, 48 para a MB, 126 para o MMRCA, mais 72 (pelo menos), para a Marinha Indiana…

  10. …Bom…!…Então o Jobim virou relações publica da “D´Assault”?…É muita imaginação!

  11. Só não invente de por soldado brasileiro no meio do deserto, enquanto que os olhos do mundo estão voltados para cá…

  12. Vai vir um doce de jaca indigesto pra muita de fato.
    A Índia recentemente abriu as propostas de fornecimento de turbinas para o tejas e estão disputando a GE com a F-414 e a Eurojet com a Erj 200, tendo sido excluida a Snecma com a M-88.Por outro lado os Emirados demonstraram interesse no super hornet,ou seja podemos ter uma compra associada por Brasil, Índia e Emirados do super hornet. Lembrando que quem fornecer as turbinas para o tejas saira com um pe dentro do MMRCA e os Emirados querem um caça mais capaz.

  13. Um alto oficial indiano confirmou que as turbinas do tejas em questão sera fornecido um lote de dez e uma licença pra fabricação das demais ou seja com uma produção local da GE F-414 ou da EUROJET ERJ 200 porque a Índia compraria o rafale que usa a Snecma M-88.

  14. Jackson, acho que o TF 414 não impressionou os Indianos, e portanto vão avaliar o EJ-200
    as avaliações foram feitas em Leh na Índia, onde segundo consta o TF 414 dexou muito a desejar.
    Quanto a opção ou não por este ou aquele fornecedor, lembre-se a Índia procura vários fornecedores sempre, e nunca se baseia em um só, a vitória num campo não significa noutro, veja o caso dos submarinos exemplo clássico.
    Acho difícil o M 88 emplacar no Tejas, mas não vejo problemas da índia operar caças com motores diferentes pois é assim a sua doutrina.
    Sds
    E.M.Pinto

  15. O Brasil precisa ampliar sua presença também na esfera da Defesa como fez em outros setores com muito sucesso..Dezenas de países pequenos podem comprar produtos militares brasileiros, reativando a nossa indústria e barateando as compras das nossas FFAA

  16. Edu Nicácio :“Mateus, eu especularia que tem bem mais por ai.”
    Pois é Edilson… Quem sabe os caras não estejam acertando, nos bastidores, não só o apoio da França à entrada de Brasil e Índia para o CS da ONU, como também a venda casada de Rafale para os três…
    Imaginem as encomendas:
    Brasil – 120Índia – 126EAU – 60TOTAL – 306
    Seriam 306 aparelhos, mais 612 motores, 306 radares, 306 suites SPECTRA, etc, etc, etc. Os ganhos de escala seriam consideráveis…
    E, como o MMRCA, o FX-2 e o pedido dos EAU prevêm fabricação/montagem local, teríamos passe livre (assim como os outros países) para aumentar a quantidade de aeronaves assim que quiséssemos…
    São 120 para a FAB, 48 para a MB, 126 para o MMRCA, mais 72 (pelo menos), para a Marinha Indiana…

    E a França merece tudo isso?? Não sei não. Eu gosto do Rafale, mas a França não tem correspondido aos interesses do Brasi.
    Vamos esperar para ver. Se vingar o Rafale para os três países, a França vai ter que ceder muito.

  17. jomado :
    …Bom…!…Então o Jobim virou relações publica da “D´Assault”?…É muita imaginação!

    Nada a ver ….

    O jobim foi la para tentar fechar a compra em conjunto.

    A ideia é muito simples. Se o Brasil comprar sozinho o Rafale, se ferra. O mesmo se aplica ao sueco.

    Logo, é extremamente inteligente fechar uma compra em conjunto com os demais paises.

    Isso ira baratear a produção e garantir suprimentos.

    O Rafale, tanto quanto o sueco antendem nossas necessidades. Mas se comprarmos sozinhos, iremos micar com eles, pois é necessário muitas unidades vendidas para garantir um preço acessivel, bem como a continuidade do projeto.

  18. Jomado quem deveria fechar um acordo de defesa que envolve as indústrias de defesa do Brasil e seus associados? O Paulinho da CUT CGT? o presidente da Fiesp? a Força sindical? ou eu do Plano Brasil?
    Quando o ministro vai aos EUA, Rússia e China fechar acordos semelhantes não há problema, mas agora há, ele virou garoto propaganda de alguém…
    Esteve agora na Polônia Rep. Tcheca e pode fechar acordos com os Britânicos, aliás diga-se de passagem teve jantar abordo do HMS- Ocean e ninguém ladrou, mas o jantar na França foi dado como motivo de suborno ao Ministro. Será que eu estou doido ou os senhores não sabem mais o que inventar para desclassificar aquilo que não concordam?
    Pode ser que eu esteja equivocado, mas acho que é ele o ministro da defesa, pelo menos por enquanto.
    SDS
    E.M.Pinto

  19. E.M.Pinto:
    A Índia tem o SU_30 para a 1ª linha,portanto eles podem sim alinharem o fornecimento de turbinas para o seu caça de apoio(o MMRCA) e o seu caça leve(o TEJAS) o que é intenção deles segundo o alto oficial em questão,eles podem estar mudando sua doutrina com a produção local de turbinas, o que ja descarta o rafale na Índia.

  20. na verdade, a cada noticia que sai, cada um só enxerga o lado que quer.

    os rafalecos vao falar sempre que qualquer notícia é boa pra eles

    as gripetes vao tambem falar que é melhor pra eles e os horneteiros também.

    então, no mais, é esperar pra ver.

  21. Jackson.
    Não diria que descarta ma sim, não acho que o Rafale ganhe na Índia.
    Eles querem o F 18.
    E.M.Pinto

  22. Contatos e informacoes… nunca é demais!

  23. E.M.Pinto:
    Assim como querem aviões da Embraer (E-jets para inteligência e ate mesmo o super tucano pra treinamento)que usam turbinas e avionicos americanos, portanto sendo mais simples o Brasil e a Índia alinharem suas compras e ai convidarem os Emirados também.

  24. E.M.Pinto :Jackson.Não diria que descarta ma sim, não acho que o Rafale ganhe na Índia.Eles querem o F 18.E.M.Pinto

    SUper Hornet tem tudo para ganhar na Índia, e ao que tudo indica entrou de sola nos EAU também. Creio que seria interessante ao Brasil formar um grupo com estes dois países para pressionar os Americanos de forma a obter mais vantagens. É bem melhor do que financiar o desenvolvimento ulterior da jaca.

  25. read that
    http://rafalenews.blogspot.com/2010/09/garuda-iv-rafale-was-there.html
    then that(but in french,you can browse the pages with the right and left arrow pages 4 to 9)

  26. Aqui vai o link onde os indianos anuncião sua opção pela Eurojet EJ200 e ou a GE F-414 para o tejas.
    http://www.business-standard.com/india/news/eurojet-pips-ge-in-lca-engine-bid/408579/

  27. E.M.Pinto a coisa é simples apesar de parecer complicada.a turma em questão confunde questões de defesa com opinião política,se o Lula tivesse dito que o Gripen é o seu caça preferido,viria uma onda de críticas,dizendo que ele é louco por pegar um caça que não existe,que seria uma caixa de propinas,se o Lula opta-se pelo F-22,seria a mesma coisa.
    Essa turma acha mais válido sindicalista defender o gripen,firmar acordos que nem foram colocados no contrato,de fábrica de caças,do que o Ministro da Defesa,e o pior é que ao meu ver muitos deles nem sabem o que falam,não quero dizer que sou especialidas,mas para emitir uma opnião procuro me informar.

  28. Eu também conheço uma estória de que os TF-414 embicaram em Leh, e não é conto de francês, é conto de indiano mesmo…

    Podem negociar uma questão geopolítica, que levaria o F-18 a vitória, não necessáriamente sendo aqueles mais indicados a função…
    Opção geopolítica e estratégica que levaria o Brasil a não comprar o tão querido mais barato (aliás não creio que se deva pechinchar quando o assunto é defesa).

    Impressionante é ver que quando pode-se falar qualquer coisa do Rafale a comitiva imperial aparece…

    Frenchdude0,
    It is a waste of time to try to put any point or idea, the minds of many are are alredy infected with “anti-frank” feeling… I really guess that this people never acepted the 98 world cup and the Zizu football against Brasil in 2006…

    Em todo caso, o assunto não era parceria com EAU? Pq falam tanto do Rafale, mesmo sendo um ponto comum…
    O Jobim foi p Rep. Tcheca e largou o KC-390 por lá? Seria mais produtivo dizer que ele é garoto propaganda do que nós fazemos aqui…
    É cada uma mesmo…

  29. Resumindo se o Lula oferecesse a Julia Paes,para um jantar a turma iria preferir a VOVÓ do Twitter do pânico,pois teria um custo beneficio melhor.
    É mais fácil levar a vovó do Twitter do panico pra ver um jogo do Timão do que levar a Julia Paes pra jantar.
    Pois o governo poderia estar ganhando uma propina por ta ato.

  30. Bingo, Edu!

    Tem muito mais a ver com a realocação de poderes e reconhecimento do Brasil como um player independente, do que armamentos militares.

    Agora, a responsabilidade é de gente grande…

    Abs.

  31. Dedico esse video aos meu amigos gripeiros choroes,claro que tem que se fazer uma adpatação da fala dos personagens mas cai bem esse video.

    Só pra descontrair.

  32. É dele que eles tem medo e ficam chorando pelos cantos ou melhor pelos Blogs da Net

  33. Barca, por um jantar com a Júlia Paes eu faço campanha de qualquer caça que quiserem deste ou de outro planeta…

  34. E tem outra coisa essa turma do gripen que tanto critica o Jobim deve agradecer a ele,pois quando o Porta Avião americano esteve aqui no RJ,os americanos iam fazer uma demonstração aqui no RJ do F-18,chamaram um piloto ferá da US Navy,para fazer uma exibição num domingo,de sol e com a praia lotada,quer melhor propaganda do que isso,e o Jobim vetou pois disse que isso seria um desrespeito com os concorrentes,os franceses enviaria tb um rafale pra fazer essa exibição caso os americanos fissem,e o gripen poderia fazer o mesmo ?

  35. BLA BLA…BLA BLA BLA…BLA BLA…VÃO TER DE BEBER É VODKA MESMO A CONTRA-GOSTO SE NÃO QUISEREM FICAR DE CARETA NA BALADA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  36. O importante da notícia é que o Brasil, se certa ouerroneamente, está dando as caras ao mundo.

  37. Olhem para o Rafale,parece uma m9sca varejeira.O F16 é o vespão e o Gripen pode ser a mosca do chifre…e o SU35 BM???…Ele é o Condor predador,serial fazedor de defuntos e viuvas.

  38. KKKK Maluco beleza, varejeira kkk
    boa.

  39. Serio pinto olhe de frente o Rafale,parece mesmo uma mosca varejeira….E MAIS HEIM é provavel e quase certa a entrada dos caras no nosso programa aeroespacial formando um consorcio BRASIL-UCRANIA-RUSSIA…Aos que fazem bikinhu e torcem os narizinhus por simpatias ou ideologias acreditem,se realmente nosso governo tomar as atitudes que se evidenciam na area aeronautica e aeroespacial sei que vai ter muito piloto de cara emburrada mas com o tempo aprenderão a amar aquele que no momento é a melhor maquina e que realmente nos trara beneficios…Noivinhas abandonadas na porta da igreja pelo super-hornet,suadosas e xoramingonas viuvinhas do rafale e ninfetinhas descabeladas do Gripen que não nasceu olhem para o céu do Brasil e contemplem,amem e adorem seu unico e verdadeiro Deus e senhor o Super Flanker o desejo da maioria de nosso povo,o nosso defensor e exterminador de adversos que rasgara os céus do Brasil sobre vossas cabeças incredulas.

  40. Edu Nicácio :
    “Mateus, eu especularia que tem bem mais por ai.”
    Pois é Edilson… Quem sabe os caras não estejam acertando, nos bastidores, não só o apoio da França à entrada de Brasil e Índia para o CS da ONU, como também a venda casada de Rafale para os três…
    Imaginem as encomendas:
    Brasil – 120
    Índia – 126
    EAU – 60
    TOTAL – 306
    Seriam 306 aparelhos, mais 612 motores, 306 radares, 306 suites SPECTRA, etc, etc, etc. Os ganhos de escala seriam consideráveis…
    E, como o MMRCA, o FX-2 e o pedido dos EAU prevêm fabricação/montagem local, teríamos passe livre (assim como os outros países) para aumentar a quantidade de aeronaves assim que quiséssemos…
    São 120 para a FAB, 48 para a MB, 126 para o MMRCA, mais 72 (pelo menos), para a Marinha Indiana…

    e o senhor esqueceu os 286 Rafales encomendados para a AdlA, estaríamos beirando os 600 unidades e ainda por cima milhares de motores… pra quem reclama de que falta escala para o Rafale, estes numeros seriam sonhos para os Gripen NG que talvez fique no máximo com umas 200 unidades fabricadas(Índia+Brasil) se for escolhido e se chegar a ser produzido, coisa que duvido muito se os dois países que citei não encomendam a aeronave… se perder no Brasil e Índia o Gripen NG está condenado a ficar somente no projeto!!

    Jackson, e o oficial indiano também disse que os caças seriam ou da França(e o Brasil faz Lobby junto com Paris) ou Yankee(coisa muito improvável pois estão mesmo interessados é no EJ-200) ou suécia com o Gripen NG… notou a semelhança com o nosso FX2??

    A venda será casada entre Brasil+ Índia +EAU + o vencedor que produzirá os caças, e qual é o caça que todos os três já demonstraram interesse e possivelmente estejam se acordando entre eles para ter uma escala de produção e abaixar os custos???

    O Rafale!!!

    Pelo menos posso estar errado, mas creio que existem sim acordos ou negociações em curso entre países que demonstraram interesse pelo Rafale pra se ter uma escala maior de produção do Rafale, e se estes acordos não derem em nada, ficamos nós e a França com o Rafale, no fim a missão dele será cumprida, defender os nossos céus, e a exemplo da Índia que não tem um único vetor para cumprir a missão de defesa aumentando assim os gastos, poderíamos pensar mais em defesa e menos em dinheiro, pois no fim, os indianos tem uma economia menor que a nossa e não escolhem caças pelo preço, mas pelo poder de fogo entre outras doutrinas… vamos analisar um pouco mais pelo viés de campo de batalha os equipamentos para as nossas forças armadas.

    Valeu!!

  41. Senhores eu não falo em números certos, cada caso é um caso e isto não é oficial.
    O que sabemos é que a índia quer 126 caças mas pode estender para 200.
    o Brasil quer 120 caças.
    os Emirados querem 60 pelo menos.
    seja quem for o vencedor se levar as 3 concorrências vai sorrir atoa, até porque virtualmente mata a pau a concorrência.
    Concordo com muitos que o ideal seria o Brasil escolher o mesmo caça que a Índia apesar de que como disse, cada caso um caso, nossas necessidades não são as mesmas deles. Agora, precisamos saber qual deles seria o vencedor elegível nas duas ou três concorrências, pois até agora todos eles já ganharam segundo os lobistas, rsrsrs.
    sds
    E.M.Pinto

  42. A esqueci de falar o porque o Gripen NG esta fora do FX-indiano, é porque o Tejas e o GripenNG são praticamente dois aviões de mesma categoria… então são concorrentes, e os indianos não abandonar o Tejas onde jogaram varios milhões em desenvolvimento e é um projeto nacional… muito simples!!

  43. 1maluquinho :
    Serio pinto olhe de frente o Rafale,parece mesmo uma mosca varejeira….E MAIS HEIM é provavel e quase certa a entrada dos caras no nosso programa aeroespacial formando um consorcio BRASIL-UCRANIA-RUSSIA…Aos que fazem bikinhu e torcem os narizinhus por simpatias ou ideologias acreditem,se realmente nosso governo tomar as atitudes que se evidenciam na area aeronautica e aeroespacial sei que vai ter muito piloto de cara emburrada mas com o tempo aprenderão a amar aquele que no momento é a melhor maquina e que realmente nos trara beneficios…Noivinhas abandonadas na porta da igreja pelo super-hornet,suadosas e xoramingonas viuvinhas do rafale e ninfetinhas descabeladas do Gripen que não nasceu olhem para o céu do Brasil e contemplem,amem e adorem seu unico e verdadeiro Deus e senhor o Super Flanker o desejo da maioria de nosso povo,o nosso defensor e exterminador de adversos que rasgara os céus do Brasil sobre vossas cabeças incredulas.

    Heheheh, adorei!

  44. Maluquinho passemos então a chamar o rafale de “JACA VAREJEIRA” .

  45. jakson almeida :
    Maluquinho passemos então a chamar o rafale de “JACA VAREJEIRA” .

    Jackson Almeida… Quantos Gripen voam atualmente e estão encomendados, e nem precisa falar do NG, mas das versões ABCD, quero saber por que o senhor considera esta aeronave como um sucesso de encomendas sobre o Rafale… e espero resposta, mas antes vou colocar as minhas considerações a respeito, e este numeros a seguir estão confirmados em vários sitios especializados pela internet:

    Bem, segundo a Vetor Site. “Gripen production quantities have been steadily decreasing. When the type went into formal service, the Flygvapnet expected to obtain a total of 204 aircraft, but in 2007 the total buy was cut to 100. In compensation, all earlier production was to be brought up to Super Gripen standard by 2012. This represents a major downsizing of the air force, since in the late 1980s the country had 425 combat aircraft in 26 squadrons, and the original plan had been to obtain 350 Gripens.” Link: http://www.vectorsite.net/avgripen.html

    Bem isso ainda deixa a situação da produção do Gripen em maus lençóis, falando da Suécia o país sede do projeto… pois queriam 350, depois passou para 204 e agora estamos falando de 100 unidades… e eu pensava que todos os 300 e passa tinham sido fabricados… a situação do custo de produção do Gripen é pior do que eu pensava, tem razão das unidades para a Tailândia sair a um preço tão alto para um monoturbo… e depois ainda falam que o Rafale é que não tem escala… tem mais que o Gripen ABCD, pois pelo menos as encomendas francesas não acabaram e restam firmes nos seus 286 vetores.Os Suecos fizeram pior que a França em reduçào das unidades encomendadas, já na primeira redução tem-se um corte de mais de 50% das encomendas… uau, isso sim é um corte, e depois ainda fizeram outro…

    No exterior vemos que as encomendas que foram concretizadas:

    -a África do Sul encomendou 28,

    -a Hungria por leasing com opção de compra no final(não se sabe se ocorrerá a compra quando acabar o contrato) encomendou 14 unidades,

    -a República Checa também por leasing encomendou 14 unidades,

    -a Tailandia comprou 6 unidades e um AWS da SAAB por 600 milhões, e sabemos que o AWS da SAAB é mais barato que o caça, pelo que me recordo, me corrijam se estiver errado, ficou caríssimo por ser monoturbo!!

    Então temos: 62 unidades exportadas + 100 unidades encomendadas para a dona do Projeto a Suécia, temos uma escala produtiva para um caça leve muito baixa, 162 unidades, produção ridícula direi, pois os caças leves são os mais vendidos no mundo, e tem em média algumas centenas senão milhares de unidades… o Gripen até o momento não é um sucesso como alguns dizem por ai, e vendo estes numeros frios creio que com o NG será ainda pior, pois será mais caro de comprar e manter que os ABCD.

    Mais uma vez melhor o Rafale, pelo menos tem uma maior escala produtiva, 286 unidades e se somamos a estes os que a FAB escolher, teremos de 36 a uma centena a mais para se somar nestes ai…

    Valeu!!

  46. mateus :
    É isso ai…
    Vamos vender armas para esse povo que tem Dinheiro!!
    Astros II MKS, Astros Hank, Astros III, KC390, Mectrom/Avibras/Embraer,
    Alguem sabe informar se as empresas Brasileiras o acompanham???

    então vamos eperar p ver-mos no q vai dar, sds.

  47. Vem Cosacazinha de sainha e botinha de péle de urso polar dançando funkzinho bonitinho…O Abutre do norte vai virar Arpia…atenção senhores passageiros Americanos,Suecos e Franceses do bilhetinho da cor rosa-choque queiram tomar o portão principal,que se piquem rs rs rs rs

  48. Francoorp eles vivem num mundo paralelo,nada que vc fale vai adiantar.

  49. Francoorp:
    O rafale tem 286 “encomendas” se seram construídos é outra historia ,agora no momento existem cerca de 82 unidades semi-operacionais ,se os franceses que nesse momento estão analisando suspenderem a produção do rafale por dois anos as efetivaram, coisa que eu duvido.
    Em nenhum momento eu disse que o gripen foi ou é um sucesso de vendas.Mas convenhamos pra um caça ,o rafale,que esta ai a vinte e poucos anos e nunca efetuou uma venda externa é no mínimo um fiasco comercial.Agora se você quer falar em escala de produção o rafale não e o melhor exemplo que você poderia usar,os Emirados arabes ao que tudo indica desistiram de financiar o rafae f-4 e estão caindo fora e indo pro super hornet

  50. jakson almeida :
    Francoorp:
    O rafale tem 286 “encomendas” se seram construídos é outra historia ,agora no momento existem cerca de 82 unidades semi-operacionais ,se os franceses que nesse momento estão analisando suspenderem a produção do rafale por dois anos as efetivaram, coisa que eu duvido.
    Em nenhum momento eu disse que o gripen foi ou é um sucesso de vendas.Mas convenhamos pra um caça ,o rafale,que esta ai a vinte e poucos anos e nunca efetuou uma venda externa é no mínimo um fiasco comercial.Agora se você quer falar em escala de produção o rafale não e o melhor exemplo que você poderia usar,os Emirados arabes ao que tudo indica desistiram de financiar o rafae f-4 e estão caindo fora e indo pro super hornet

    O senhor tem o direito de duvidar do que quiser, mas o relatório do TCU francês indica que o numero que a França tem que receber é 286 unidades, e fazem o calculo de forma clara e precisa… então são estas as unidades que a ADLA deverá receber, e ponto!!

    O senhor refere-se a não ter ainda exportado a aeronave Rafale, creio que o senhor deveria estar mais bem informado no campo aeronáutico, as encomendas são vendas, e isso faz dele um produto com maior sucesso comercial que o Gripen…. pois o não “exportar” não demonstra que a experiência francesa seja ruim, e seu produto péssimo, o não exportar não é diretamente relacionado à qualidade de uma aeronave… existem “N” fatores, existe a política, a Geo-Política, a doutrina, a economia, a tecnologia, a transferência de tecnologia, etc,… e mesmo assim vemos que o Rafael tem mais encomendas que o Gripen em toda a sua carreira… não é interessante isso??

    Pois bem, então vimos que “o não vender para o exterior” não quer dizer que a aeronave seja ruim ou de péssima qualidade, e pouco importa a classe ou categoria da mesma, uma coisa não é relacionada a outra… pois as encomendas de Rafale superam as de todos os Gripen juntos, e não contamos os NG, pois nem sabemos se um dia existirão realmente em um linha de produção… isso sim demonstra a qualidade de um projeto, isso sim demonstra quanto vale a experiência, as encomendas gerais é que contam!

    No caso dos EAU, vemos que o nosso Brasil está fazendo lobby pelo Rafale, e que os Árabes para fazerem os preciosos estão colocando outro concorrente na disputa, e não me surpreenderia se colocassem ainda mais um, seria novamente um outro FX2 pelo mundo, tal como a Índia e o Brasil, que no fim ficaram com 3 unidades “concorrentes”… mas não existem evidencias que os EUA saíram fora do Rafale, creio que depois da visita do Jobim eles vão ficar como Rafale sim, mas vão esperar mais um pouco para ter as modificações necessária para a versão F-4… mas o tempo e a assinatura do contrato irão dizer qual especulação é a melhor…

    Mas que no fim desta tarantela dizer que o Rafale é um fracasso comercial é desviante, pois não é assim, ele vendeu, e vendeu mais que o Gripen em 20 anos…

    Valeu…

  51. BARCA :
    Francoorp eles vivem num mundo paralelo,nada que vc fale vai adiantar.

    Parece que foram doutrinados… cadê a razão de pensamento, cadê o lado critico de analisar a coisa com os dados e não com as convicções… mas ele é inteligente, se fosse como outros não viria postar aqui, ficaria no cantinho confortável onde todos pensam, falam e se auto convencem da verdade…

    Aqui todos usamos a razão, e não a propaganda política dos doutrinadores de outras bandas de que é tudo uma corrupção so que está escolhendo os caças ou outras armas para o Brasil… devemos ficar atentos com este tipo de conversa, isso pode trazer muitos malefícios para a nação… mas para alguns apátridas esta bom assim, pouco importam as conseqüências sobre a nação dos gestos manipuladores…

  52. Francoorp como você mesmo disse o gripen tinha cerca de 350 encomendas que depois foram reduzidas,então no momento existem cerca de pouco mais de 200 gripen’s A/B/C/D que foram construidos e cerca de 82 rafales e isso e que conta no momento ou seja caças construidos e não promessa de compra.

  53. Numeros e mais numeros de prospecções que so existem no papel,se assemelham ao NG k k k k Preparem seus figados para um teor de alcool mais forte a VODKA….Como brasileiro é criativo vale misturar nela o que quiser.Eu vou de agua de coco assim o efeito é mais light

  54. De onde o senhor tirou estes 200????

    A suécia vai ter 100, e os outros vão ter 62 unidades, e nenhuma é do Gripen NG…

    Se o governo modificar pra baixo os 286, bem, mas enquanto não existem numeros oficiais, eu fico com os 286 “oficiais”, mas sem dúvida podem mudar estes numero… no entanto no agora estamos com este em fontes oficiais.

    Valeu Jakson !!

  55. Francoorp então vamos ver os numeros ja que você considera encomendas.
    204 para a Suécia.198 entregues
    14 para a Rep.tcheca.Todos entregues.
    14 para a Hungria.Todos entregues.
    26 para a Africa do Sul.A entrega sera concluida em 2012.
    6 para a Tailandia que confirmaou mais seis.6 entregues.
    Ate aqui são 270 caças ,ainda tem a escola de pilotos da Inglaterra que eu vou ficar devendo o numero ou seja mais de 250 caças entregues.

    PS:Numeros retirados do site oficial do gripen.
    Agora se você duvidar da Saab,so por deus.
    http://www.gripen.com/pt/GripenFighter/TheGripenFighter.htm

  56. 1maluquinho, o SU-35 é fantástico realmente, mas pelos corredores de Brasília não se espera esse vetor.
    Até na aérea da Diplomacia que esse nome tinha mais força ele se perdeu e bastante.

    A política russa de parceira é bastante parecida com a americana, infelizmente, eles não fazem aliados, fazem vassalos, assim é com o leste europeu, que teve uma bandeira vermelha vieram europeus e americanos prometendo uma coisa que não se cumpriu e as bandeiras azuis já já serão empacotadas e trocadas por uma tricolor que querendo ou não é o estilo de “dominação” que eles já conhecem e sabem melhor como funciona.

    Os russos tinha tudo para vender o que quisessem no Brasil, mas no F-X2 tinham ainda mais, a adoração de pilotos que até reverência fizeram para a aeronave… Perderam completamente suas chances na arena política, a despeito do que se comenta, até onde sei eles foram muito pouco flexíveis em sua proposta e o indíce de nacionalização do vetor seria maquiado com uma “oficina” que seria montada aqui, mas que não teria nada produzido aqui.
    Já ouvi o comentário inclusive de que o índice de nacionalização do vetor seriam de pífios 15% (comparados a concorrentes que oferecem indíces que se aproximam de 50% e estando no papel e assinado).

    Ponto forte a favor dos russos seria a questão de pronta entrega, preços baixos dada a qualidade do vetor e fornecimento de peças em quantidades para lá de vastas, mas nacionalização… só se fosse pirateando o produto e aí viraria o engodo chinês.

    Particularmente com histórico e tudo mais eu gostaria do Su-35, mas confesso que nem lembrava do Eagle, até a Águia (que é minha parente distante) aparecer em céus coreanos e ganhar um baita fôlego no mundo… Eita que a prima tá podendo!
    Infelizmente a prima vem com penas contadas e transferência de tecnologia 0, além das restrições onde se mora uma dúvida tremenda.

    No mais o resto da notícia pode ter pouquíssimo de relação com o Rafale, mas tudo vira motivo e tudo vira politicagem…
    Desse jeito eu acredito que qualquer que seja o escolhido, até mesmo se fosse o Pak-Fa, será mais palavrório do que máquina de combate no final…

  57. Gente, essas discussões não levam a nada. Se são 8, 80 ou 800 caças não importa! O que podemos vislumbrar, com esses acordos, e esse passeio todo do Jobim, é o Brasil montando acordos com outros países e agindo em seu próprio interesse!

    Se der Rafale, F-18 ou Gripen, tanto aqui quanto na Índia quando nos EUA isso abrirá precedentes para que outros países busquem mais detalhes do vencedor escolhido.

    Se der França, EUA ou Suécia, pouco importa. O importante é que venham em quantidades suficientes, que possamos absorver tecnologia, constuí-los aqui (na quantidade necessária, e não esses parcos 120) e tenhamos meios para exportá-lo.

    Nada impede, hoje, de qualquer finalista ganhar o FX-2, assim como o MMRCA ou a encomenda dos EAU… O que realmente fica de lição é que o Brasil está aprendendo a jogar o jogo dos grandes (assim como a Índia) e, em breve, quem sabe, o CS da ONU será ampliado…

    BRASIL POTÊNCIA
    *seja de Rafale, F-18 ou Gripen

  58. Carcará, Mó palhaçada mesmo. Sempre no meio do caminho tem ELES para atrapalhar. E ainda se dizem brasileiros.

    A frase “civis e militares” que foi dita de forma rápida pelo nosso min. da defesa na posse do chefe-de-estado-Maior espero que tenha sido bem dirigida.

    Mas o sr. considera a engenharia reversa chinesa fabricante de engodos?

  59. Ta brabo Carcara…Tem que chamar o Bope pra essa turma de Brasilia…Ouvi que qundo foram desclassificados começaram a ceder e sinceramente creio nque muitos de nós gostariamos e que teriamos exclusividade e isso pra frear o Chavinho seria uma boa…Mas na boa amigo SU,Rafale,Hornet acredito que não teremos repassado tudo como queremos.oS Suecos ate repassariam mas a maquina deles é praticamente um consorcio Anglo-Americano-Sueco…Sobrou-nos o que?Nada como sempre.Eu se fosse o presidente compraria SUs prontos para reforçar a FAB talvez entraria tambem no PAK e emburacava de parceiria com Africa do Sul India Turquia e Indonesia na busca de um de quinta conjunto.

  60. Ver Jobim igual Foxterrier Paulistinha balançando o cotoco de rabo e sorrindom pra tudo que é lado é dose pra elefante.Fazer Lobby do Rafale,não creio nisso.Seria um tiro no pé.Acho que a mosca varejeira nem a Carla Bruni quer e vão mesmo é embarcar de Vespão…Que venha o que vier.Nossos ceentros de pesquisas e a Embraer nos surpreenderão com um caça Nacional mas que tragam mais Thors e que conversemos com a Argentina sobre balisticos afinal estamos na mesma canoa e eles precisam do nosso apoio frente a Anglos…E se n~]ao acreditam na capacidade de nossos soldados que entrem um por dentro do outro e venham tomar o que é nosso…Bordunada neles.

  61. E. M. Pinto :Jackson.I would not say yes ma rule , do not think the Rafale win in India .They want the F 18 .E. M. Pinto

    Maybe+ politics etc etc
    BUT Rafale has its chance(outside from MMRCA) IF India sticks to its goal of having « on shelves » two dedicated squadrons with fighters « battle proven and with capabilities to deliver nuclear-tipped missiles »
    This is the very chance of the Rafale in India IF India sticks to this goal.As for this dedicated nuclear strike France has really a strategy, plenty of field testing and a lot of experience to pass to these 2 squadrons.
    Never forget that India seems crazy to buy so many fighters but this is a 1,1 billion inhabitants country and contrary to Brazil has 2 major potential threats right at its border:muslim Pakistan(see Cachemire conflict) and ….China
    http://www.hindustantimes.com/Strategic-Command-to-acquire-40-nuclear-capable-fighters/Article1-599141.aspx
    http://www.hindustantimes.com/Strategic-Command-to-acquire-40-nuclear-capable-fighters/Article1-599141.aspx

  62. http://livefist.blogspot.com/2010/09/pti-indias-joint-nuclear-command-wants.html

    ….
    A totally separate but tantalizing coincidence — in June, Dassault offered the IAF a fast-track sale of 40 Rafales to shore up squadron strength ahead of the MMRCA induction. The Rafale is also the only aircraft explicitly described in its bid document as a nuclear capable strike fighter. Answers to those questions above and more details later this evening.

  63. Não duvido que o Jobin foi fazer lobby nos EAU…rssss

    Vamos aguardar o pós eleições.

    []’s

  64. Não se iludam…Seja qual for o vetor que escolhermos dos lobos teremos problemas…Podem repassar outras coisas,mas caças são as meninas dos olhos de toda industria belica e não abrem a ninguem…Nos seria mais sensato reforçarmos a FAB com algum de prateleira e partirmos para o Nacional…Os EUA ate podem repassar o Vespão porque tem outros modelos mais sofisticados e modernos e mesmo assim teremos varios componentes verdadeiras caixas pretas e basta um codigosinho malicioso para po-los no chão…Acorda Brasil e deixemos de nos iludirmos…Sr.Jobim pra mim continuas sendo um falastrão e prepotente,sentindo-se um general usando farda sem ser soldado.Se sente a gota de mel na cereja do sorvete….Deixem para a Titia escolher o vetor,é o governo dela que vai pagar e ela pode surpreender em um momento de TPM e deixar a todos atonitos.

  65. jakson almeida :
    Francoorp então vamos ver os numeros ja que você considera encomendas.
    204 para a Suécia.198 entregues
    14 para a Rep.tcheca.Todos entregues.
    14 para a Hungria.Todos entregues.
    26 para a Africa do Sul.A entrega sera concluida em 2012.
    6 para a Tailandia que confirmaou mais seis.6 entregues.
    Ate aqui são 270 caças ,ainda tem a escola de pilotos da Inglaterra que eu vou ficar devendo o numero ou seja mais de 250 caças entregues.
    PS:Numeros retirados do site oficial do gripen.
    Agora se você duvidar da Saab,so por deus.
    http://www.gripen.com/pt/GripenFighter/TheGripenFighter.htm

    Bem o link que postei da Vetor Site diz um outro numero, 162 unidades totais operativas ou encomendadas… PERFEITO JAKSON !!!! Parabéns, este números são de um sitio OFICIAL, Então vão considerados como válidos!!! Assim que se debate, confrontando informações, e não com “verdades” absolutas… agora vamos à comparação:

    204 + 26 + 12 = 242 e sendo que a Suécia só vai manter 100 então dentro em breve o que teremos é algo em torno de 142 OPERATIVOS, e o resto em deposito…

    Estamos sempre por ali mesmo, entorno dos 140-160 unidades OPERATIVAS, os que ficarem em estoque dentro de pouco tempo estarão tão defasados em tecnologia que será melhor nem querer vender ou usar… parece que serão canibalizados diretamente, pois se o GripenNG não vinga nem no Brasil nem na Índia, a coisa vai ficar feia para o programa Gripen em seu complexo, e peças deverão ser encontradas em algum lugar… mas realmente é muito pouco para um caça leve, pouquíssimo mesmo este numero de encomendas, este custo de produção ai deste caça so vai aumentar com o tempo, se não vender algumas centenas mais, pois o caça leve tem que ter a vantagem de ser barato para produzir e vender, e com numeros assim baixos creio que será difícil manter estes vetores competitivos no mercado internacional, o que reduzirá as vendas e aumentara anda mais o custo de produção e assim o inteiro programa estará condenado!!!

    Mesmo assim é muito pouco para um caça leve no mercado internacional, uma verdadeira piada direi… 242/250, os Mig 21 venderam milhares, os F-16 milhares, os Mirage III, Mirage 2000 e os F-1 então nem vou falar nada… e 242/250 é inferior aos 286 Rafales oficiais de agora… e vamos ver os Gripen NG como serão, pois serão eles a competir no FX2 e MMRCA, e nesta lista temos os 286 Rafales oficiais competindo contra 0 unidades produzidas, operativas ou encomendadas do Gripen NG….

    Este pequeno aumento do numero produzido e encomendado do modelo grpen que não compete no FX2 não muda nada no contexto do que escrevi acima… foram produzidos e vendidos muito poucos Gripens por ser um caça leve, e esta ainda abaixo do Rafale que é de outra categoria de equipamento, de outra classe, é um caça médio e não leve como o Gripen ABCD, bla,bla,bla… já o Gripen NG é uma verdadeira incógnita, pois será 30% maior e assim um pouco mais pesado que o para um monoturbo aumentará o consumo de combustível(+peso+consumo), e reduzindo o alcance por conseqüência… começo a duvidar realmente que o NG seja uma opção valida para algum país que não o opere, poderia ser uma boa para um “Upgrade” dos ABCD que estão operativos por ai, já que os ABCD ainda são levados em conta atualmente(se aumentam as encomendas, pois se não, vão ficar com o custo de produção muito alto para um modelo leve)… mas o NG assim do zero… começo a crer que esteja ficando um pouco fora do contexto custo x beneficio, começo a acreditar que este protótipo nunca será produzido em série, e virará um projeto de museu, e não seria a primeira vez… mas vamos ver, posso estar errado…

    Valeu Jakson, e Excelente iniciativa de trazer dados oficiais de fontes atendiveis, perfeito, é assim que se debate,com dados claros e objetivos, que podem ser usados sem medo de veracidade… bem vindo ao mundo das analises claras e precisas, Abraço e espero um seu parecer sobre esta minha analise acima, pois posso estar errado, mas quero entender onde errei… valeu!!

    Uau, ficou bom… vou fazer uma matéria com isso, mas vamos esperar o contraditório!!

  66. Nice news frenchdude0…
    But futile, against long time compromised minds…

    The nuclear capacity of the Rafale is surely a positive point.

  67. Leiam MEDICINA LEGAL de Helio gomes editada em mil novecentos e molequinho e reeditada trocentas vezes e que serve de literatura e estudos em muitas areas academicas distintas ate os dias de hoje.Busquem a parte sobre psicologia forence e encontrarão o perfil do Jobim.Perfil aquilino.Pernas finas em relação ao corpo,barriga protuberante,olhar altivo.O tipico perfil do potencial esquizofrenico.Pessoas assim tem um potencial de altos e baixos e são imprevisiveis.podem ser iluminadas ou um potencial criminoso com alta periculosidade.

  68. frenchdude007 :
    http://livefist.blogspot.com/2010/09/pti-indias-joint-nuclear-command-wants.html
    ….
    A totally separate but tantalizing coincidence — in June, Dassault offered the IAF a fast-track sale of 40 Rafales to shore up squadron strength ahead of the MMRCA induction. The Rafale is also the only aircraft explicitly described in its bid document as a nuclear capable strike fighter. Answers to those questions above and more details later this evening.

    I have a friend you only doubt is whether the transfer will be the same unrestricted

  69. É muita falta de maturidade essa infantil politica externa que nosso governo leva.Parece ate aqueles tolos indigenas que avistaram as caravelas de Cabral.Hoje fazemos o mesmo,sorrimos e rebolamos pra todos.Eles esrtão quebrando e perdendo a egemonia.Não rugem mais e esperam que sejamos como os tolos do descobrimento que trocaram suas liberdades e suas vidas por espelhos e apitos…Acorda Brasil es assim como a China e a india a economia que prospera.Tens o potencial de reservas e itens que todos precisam.E porque não tomamos real ciencia disto e façamos uso da forma que melhor convier a nosso pais e nossa gente?Seremos eternos tolos sorridentes achando que lobos são amigos?Eles apenas veem em nós a solução de seus problemas com a obtenção daquilo que temos.Mas e ai,a resolução das necessidades de nossas industrias,centros de pesquisas e defesa esta na mão de garotos propaganda.Não da propagando nacional mas da propaganda da industria belica e economia extrangeira.Jamais nos libertaremos enquanto pensarmos que atravez dos falsos conseguiremos.Esse FX é uma agressão a Nação e aos cofres publicos.Se desde o começo tivessemos dado a incumbencia do mesmo a FAB e a EMBRAER que por licitação buscariam internos e externos para formarmos consorcio e desenvolvermos a nossa maquina,a nossa tecnologia seria muito melhor.O que temos de pessimistas e derrotados se iguala em numeros aos que se beneficiam direta e indiretamente disso tudo…Mostra a tua cara Brasil…Mostra a tua garra povo Brasileiro…O seculo 21 é nosso e do jeito que levam vai virar vatapá azedo…Viva o povo do Brasil…Viva o soldado Brasileiro…Brasil.Acima de tudo e pra mim ate de Deus.LIBERDADE.

  70. Bolivarianos e serviçais americanos.Atirem-me pedras e me taxem de Nacionalista Xiita.pouco me impoorta o quew pensem e falem.Apenas me importo com pequenos Brasileiros que morrem de desnutrição,de chefes de familia com salarios de escravos e com aqueles pais que desesperados vendem a propia filha para terem o que comer dentro de casa.Voces ja andaram pelo Brasil ou o cenhecem na telinha da globo.Saiam do mundo da ilusão e das suposições.Notoriedade é para soberbos e não para Brasileiros.Somos um unico pais,um unico povo…Todo aquele que ousar penetrar em um milimetro de nossa patria encontrara pela frente um povo pacifico e amante da paz que se transformara no mais sanguinario e sadico guerreiro e que as futuras gerações extrangeiras jamais se esquecerão….DIABO OLUBI.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: