Articles

‘Mercosul é mais interessante para a Europa hoje’, diz comissário europeu

In Geopolítica on 26/09/2010 by konner7

https://i2.wp.com/si.wsj.net/public/resources/images/OB-JI298_euchin_G_20100722064343.jpg

Karel de Gucht é responsável por negociar acordo entre Mercosul e UE

Daniel Gallas

Da BBC Brasil em Londres

O comissário europeu de comércio, Karel de Gucht, disse que o Mercosul é hoje mais interessante para a União Europeia do que há seis anos, quando as negociações entre os dois blocos foram interrompidas.

Em entrevista à BBC Brasil, o político belga, que recebeu a incumbência de retomar as negociações entre os dois blocos econômicos, disse que a União Europeia só concordou em tentar novamente um acordo neste ano porque o Mercosul se mostrou mais aberto a fazer concessões desta vez.

“O Mercosul é hoje uma economia mais desenvolvida (do que há seis anos), apesar de o grau de desenvolvimento ser diferente em cada um dos países “, disse De Gucht. “Mas a economia da região vem se desenvolvendo de forma sustentável, com crescimento de mais de 5%, o que significa que o mercado se tornou mais interessante para a Europa.”

Segundo o comissário europeu, a prova da importância do Mercosul para a União Europeia está nos investimentos estrangeiros diretos.

“O estoque de investimentos externos dos 27 países da União Europeia no Mercosul é de 165 milhões de euros (cerca de R$ 378 milhões), mais do que a soma de todos os investimentos somados do bloco em Rússia, Índia e China”, afirma.

Negociações

Na década passada, a União Europeia procurou fechar acordos de redução de barreiras comerciais com diversos países e blocos no mundo. Com o Mercosul, as negociações fracassaram em 2004 devido à falta de concessões de ambos os lados.

Mercosul e União Europeia decidiram deixar qualquer avanço comercial entre os dois blocos ser englobado pelas discussões da Rodada Doha – uma iniciativa global de redução de barreiras comerciais que não foi concretizada, após diversas tentativas.

Neste ano, sem mais a perspectiva de se alcançar um acordo dentro da Rodada Doha, a União Europeia e o Mercosul anunciaram que retomariam a tentativa de fechar um tratado comercial.

O comissário europeu vê com otimismo a retomada das negociações. Durante uma visita ao Brasil e Argentina na semana passada, ele disse que os dois blocos podem fechar um novo acordo até meados de 2011.

“O mundo mudou, e é do interesse mútuo estabelecer uma relação econômica e comercial mais próxima”, afirma.

“Também é fato que não estamos começando do zero. Houve negociações no passado, e estamos partindo deste ponto. Todos sabem onde estão os problemas. Na Europa, os problemas estão nas exportações agrícolas do Mercosul para a Europa, e no outro sentido há os direitos de propriedade intelectual, as denominações de origem (de produtos agrícolas), leis, etc.”, afirma.

“Mas também vimos que numa fase preliminar, o Mercosul se mostrou disposto a apresentar ofertas melhores nos setores industriais e de serviços. Nós sabemos o que precisamos discutir, e com isso, tudo passa a ser só uma questão de vontade política.”

O comissário europeu não revela quais pontos o Mercosul estaria disposto a ceder em uma negociação.

De Gucht acredita que uma das diferenças do processo atual é que todos conhecem bem as realidades de cada bloco e ninguém estaria disposto a perder anos em uma rodada de negociações infrutíferas.

“Todos terão que se decidir agora. Aceitar a situação e fechar um acordo ou chegar à conclusão de que nenhum acordo é possível”, afirma.

Em outubro, ele receberá a visita do ministro brasileiro das Relações Exteriores, Celso Amorim.

Fonte: BBC Brasil

11 Respostas to “‘Mercosul é mais interessante para a Europa hoje’, diz comissário europeu”

  1. Porque a mudança repetina, será pré sal avista??? Quando a esmola é grande o santo desconfia.

  2. Temos o alimentos e eles querem nos empurrar a “tecnologia industrial e agrícola”, ou seja , ainda pensam que somos Índios. Erramos no passado , mas acertamos muito também. Convém lembrar o que ocorreu com a Irlanda quando muito morreram de fome.
    Hoje somos cortejados por diversos países, blocos e países isolados para acordos bilaterais. O grande problema é que eles estão provando do próprio veneno com excesso de regulamentos na área de barreiras fitosanitária e o mais grave é que o Brasil é o que mais cumpre o dever de casa. É duro ver um funcionário dizer que a europa não é lixo da América Latina, mas outro dia prenderam um navio vindo da europa trazendo LIXO pra ser colocado aqui. Fala sério, isso é brincadeira desse senhor. Sim tem bilhões envolvido , mas creio que o maior ganhador se não fechar com a europa( no diminutivo sim) será ela mesma.
    SDS

  3. Quero ver se eles sobrevivem sem os subsídios, assim como os norteamericanos

  4. COMUNIDADE SUL AMERICANA-(CSA)

    “Em entrevista à BBC Brasil, o político belga, que recebeu a incumbência de retomar as negociações entre os dois blocos econômicos, disse que a União Europeia só concordou em tentar novamente um acordo neste ano porque o Mercosul se mostrou mais aberto a fazer concessões desta vez.”(trecho do texto principal-fonte:BBC Basil).

    Nesta indagação,concordo que todos os lados diante da situação econômica mundial,ficaram mais flexíveis,principalmente os europeus,hora ou outra,vemos alguem reclamando,geralmente são aqueles que não gostam de mudanças,ministro da agricultura francês.
    O MERCOSUL,se consolidando e a UNASUL também,o Brasil como ator principal no momento,irá aglutinar na região os países sul americano.
    Percebo algumas mudanças de atitudes de países que até um pouco tempo atrás eram indiferentes ao MERCOSUL E A UNASUL; Chile e Colômbia,que bem recente sinalizaram uma maior aproximação com o bloco.
    Com essa oportunidade que surge com os europeus,provavelmente em um futuro bem próximo,o México será o novo membro;EMBORA NÃO SENDO SUL AMERICANO.
    Tenho como esta organização de tão importância para o Brasil,que me atrevo a dizer o novo nome da comunidade econômica e política (União Sul Americana)

  5. Que tal CLA – COMUNIDADE LATINA AMERICANA – Ah!…o tio Sam desse nome não ia gostar.

  6. Essa conversa de que a Europa não é lixo da america latina é um absurdo! os filho da mãe estão em crise mas o nariz continua em pé!

  7. A EUROPA em crise, alto desemprego, paises quebrados (Grecia, Espanha, Irlanda,Itália, etc), crise de liquidez, preste a se esfacelar, e vem seu comissário falar em “concessões” do Mercosul? Devemos endurecer mais ainda. Exigir concessões DELES. Nossa região tem um “boom” de desenvolvimento graças às reformas economicas efetuadas pelos governos independentes que foram eleitos no novo século. Não devemos aceitar imposições. Se eles estão em crise, palgiando Mrs Thatcher, VENDAM SUAS EMPRESAS! Vão ao FMI e ao Banco Mundial, submetam-se aos ajustes economicos impostos. VENDAM SUAS EMPRESAS!

  8. colegas , temos que valorizar nossos produtos e mandar esses europeus se “FERRAR”, se eles querem compar os nossos produtos a preço de banana e doutro lado procura endurecer no maximo possivel as negocições inpedindo a entrada de nossos produtos e ainda taxando a america latina de lixão.Ora senhores , que falta de respeito dos gauleses:
    1) os camaradas trata a AS comos se fosse um lixo.
    2) os ingleses manda o seu lixo para ca.
    3) os gauleses são os que mais subsidia a agricultura,sendo eles responsaveis pelo emperramento das negociaçoões .
    Ora srs , pq esse senhor vem agora em publico destacar que AS é importante para eles. Assim sendo, antes de querer negociar conosco ele tem o dever de se acertar com os seus parceiros na europa pq não somos obrigado aceitar nenhuma imposição e nem muinto menos ficar ovindo baboseira desses imcompetentes que mesmo quebrados são arrogantes.
    ACORDA BRASIL , ANDE ESTA A NOSSA LIDERANÇA QUE NAO SE MANIFESTA……….

  9. Carlos Augusto :
    ###”Que tal CLA – COMUNIDADE LATINA AMERICANA – Ah!…o tio Sam desse nome não ia gostar.”###

    JÁ JÁ CHEGAMOS LÁ AMIGÃO,É SÓ UMA QUESTÃO DE TEMPO, a OEA,como está já é passado,esta instituição é o poder americano na região,é só olhar para o que ela é hoje e o amigo tem uma idéia do influência política americana na américa latina.
    abraços.

  10. Carlos Augusto :
    Porque a mudança repetina, será pré sal avista??? Quando a esmola é grande o santo desconfia.

    lucena :

    Carlos Augusto :
    ###”Que tal CLA – COMUNIDADE LATINA AMERICANA – Ah!…o tio Sam desse nome não ia gostar.”###

    JÁ JÁ CHEGAMOS LÁ AMIGÃO,É SÓ UMA QUESTÃO DE TEMPO, a OEA,como está já é passado,esta instituição é o poder americano na região,é só olhar para o que ela é hoje e o amigo tem uma idéia do influência política americana na américa latina.
    abraços.

    UNASUL,Mercosul e logo logo a CLA , e eles vão quere comprar o n “lixo de agricultura” sem agrotoxixo p matar a fome deles, e bem + barato, com + qualidade e em > quantidade. Sds.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: