Articles

SOBRE P.BRASIL

Bem vindo ao blog Plano Brasil,

este blog é idealizado e mantido por E. M. Pinto.

Em Dezembro de 2005, por iniciativa própria, sugeri ao proprietário do site DEFESA BR alguns esboços de considerações pessoais sobre os assuntos de defesa e de segurança dos quais na minha visão o nosso país necessitava discutir.

Estes esboços tratavam em sua maioria de inéditos projetos de sistemas de Defesa destinados a transformar e reverter o quadro negro em que se encontravam nossas forças armadas.

Inicialmente a intenção do autor era criar artigos dos quais fomentassem as discussões a cerca de programas, propondo programas os quais pudessem ser conduzidos de forma a capacitar nossas indústrias, desenvolvê-las e permitirem uma autonomia e soberania no tocante à produção comercialização e operação de sistemas de armas .

Baseados em certas premissas as quais considerava serem necessárias, entre outros pontos, repensava e propunha transformações no Ministério da Defesa (MD) e ne sua estrutura, a qual deveria se adequar tanto a realidade econômica, quanto  à  urgente necessidade de inovação, interoperacionalidade e efeito SINÉRGICO, visando o emprego de meios pelas : Força Aérea Brasileira (FAB), Marinha do Brasil (MB) e Exército Brasileiro (EB), como parte vital do processo de um integração orgânica.

Naquela altura, final do ano de 2005, finalmente o País dava-se conta do extremo sucateamento de suas Forças Armadas e o Senado Federal instalava um subcomissão para estudar o assunto a fundo e invocar soluções para resolver tal danoso problema constitucional, ou seja, o de completa falta de estrutura e meios para a mínima DEFESA da Nação.

Paralelamente a isto, falava-se da existência no Congresso Nacional  de um projeto de lei cuja a proposta visava aumentar as verbas ddestinadas a Defesa visando reverter o então caótico estado em que se encontravam as nossas Forças Armadas.

Para minha surpresa o DEFESA BR, na pessoa do seu criador, Roberto Silva, acatou inteiramente a proposta, mantendo as sugestões originais sem ressalvas, cedendo sem restrições espaços para o meu trabalho e colaborando em muito no desenvolvimento destes.

De lá para cá esta colaboração cresceu vertiginosamente e todo esse conjunto de idéias por sugestão do amigo Roberto Silva, tornou-se o que hoje conhecemos hoje como PLANO BRASIL, pois este segue pela trilha do objetivo do trabalho até hoje executado pelo site DEFESA BR, o que para mim foi muito gratificante pois além de ser um assíduo leitor e admirador deste site, pude agora colaborar de forma ativa e livre como colaborador .

Em suma, o DEFESA BR e o PLANO BRASIL visam contribuir para o desenvolvimento nacional, e ainda para a consolidação das INDÚSTRIAS de Defesa, esta parceria abriu-nos novos horizontes e promete ser ainda mais ampla.

Ao amigo Roberto Silva, o meu muito obrigado pela oportunidade, aos leitores do Blog espero que encontrem gostem e participem através de sugestões e críticas, e que estejam preparados para um debate franco e honesto sobre os temas relacionados a defesa, especialmente aqueles que tocam a soberania do nosso país.

Como entusiasta dos assuntos referente a sistemas de armas e defesa pretendo que este Bolg sirva como instrumento de divulgação e propagação de temas relacionados ao desenvolvimento tecnológico, capacitação,  efeito sinérgico, complemantaridade, racionalização de meios e recursos,  e finalmente a soberania no tange os assuntos de defesa do nosso país.

O autor parte do princípio de que é necessário tornar publico as discussões a cerca dos programas militares futuros, de forma a incluir setores civis e militares bem como as indústrias e entidades da sociedade de forma a criar comissões mistas de militares, setores da indústria de defesa e da sociedade civil, com a finalidade de planejar melhor as nossas Forças Armadas.

Isto porque é necessário antes de mais nada sensibilizar a nossa sociedade para a importância dos assuntos de segurança e defesa de forma a colocá-la na agenda de discussões, o futuro de nossas indústrias e do nosso património.

Acreditamos que uma sociedade ativa e informada trará como consequência o merecido reconhecimento ao tema precionando de forma mais interativa, as autoridades de forma a manter atualizadas as prioridades de investimento e andamento dos projetos.

Regras para Utilização do blog e postagem de comentários.

Considera-se “Conteúdo” todo o material multimídia, foto, artigos, textos e fontes necessárias para a publicação de matéria ou material de divulgação.

Sendo assim estabelece-se um conjunto de regras de direitos e deveres individuais dos “participantes” tal como descreve:

  • O blog PLANO BRASIL reserva-se ao direito de  negar a publicação de matérias as quais não concorde ou que não façam parte do escopo do site, ou que transgrida as  normas legais em vigor em seu país, sejam estas observadas pelas equipes do  blog em questão ou por denúncia do público.
  • As postagens e comentários dos participantes são de exclusiva responsabilidade civil e penal de seus  autores e ou “reprodutores”, participante que reproduza a matéria de terceiros.
  • O Blog PLANO BRASIL não se responsabiliza por comentários individuais sobre matérias citadas pelos participantes, bem como pelas opiniões e comentários dos freqüentadores de nenhuma outro meio de comunicação, cabendo ao “reprodutor” em questão responder por eventuais problemas decorrentes destes.
  • O frequentador que postar comentários deste blog em outros meios de comunicação será responsabilizado por  todos e quaisquer danos supostamente decorrentes do uso indevido dos conteúdos do Blog PLANO BRASIL exibido em terceiros.
  • É vetado o uso político dos conteúdos do Blog PLANO BRASIL, propaganda ou indução de ideologias políticas, não está autorizada a reprodução das matérias do Blog PLANO BRASIL em nunhuma manifestação politico Partidária.
  • É também vetado a exibição de conteúdos religiosos  no BLOG bem como manifestações a cerca de Raças e credos.

TRANSGRESSÕES

Serão consideradas transgressões graves e passíveis de punições as seguintes quebras de regras:

a)        Violação das leis de direitos de autor ou qualquer outra norma legal vigente.

b)        Inserção no site fotos ou conteúdos que não sejam da sua autoria, sem dar o devido crédito aos seus autores.

c)        Inserção de comentários, envio de e-mails, ou fotografias com conteúdo calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência, que viole os direitos das crianças e dos adolescentes, que desrespeite a privacidade alheia ou ainda que possua conteúdo passível de ser interpretado como uma posição ou atitude de caráter preconceituosa ou discriminatória a uma pessoa ou a um grupo de pessoas.

d)       Exibição de material pornográfico, libidinoso, inverídico ou incitação de atividades ilegais incluindo menores de 18 anos (segundo o artigo 241 do Estatuto da Criança e do Adolescente) principalmente se o conteúdo transgressor:

  • Utilizar de material e/ou linguagem grosseira ou ofensiva.
  • Pratica, indução ou incitação de preconceito quanto à origem, raça, etnia, sexo, orientação sexual, cor, idade, crença religiosa ou qualquer outra forma de discriminação.
  • Material calunioso, abusivo ou invasão a privacidade de alguém.
  • Afirmações injuriosas ou difamatórias.
  • Informação sobre atividades ilegais e incitação ao crime.
  • Material protegido por direitos autorais, e a publicação de fotos ou textos sem autorização do autor ou de seu representante legal, publicar fotos sem autorização dos fotografados e distribuir arquivos de som sem autorização de pessoas ou empresas responsáveis, (responsabilidades individuais dos editores).
  • Informação relativa à pirataria de material protegido pelas leis de direitos autorais e propriedade;
  • Divulgação como próprio ou sem a devida autorização nomes, contatos e demais informações de terceiros.
  • Propaganda política para candidatos, partidos ou coligações, bem como propaganda a respeito de seus órgãos ou representantes.
  • Programas e arquivos que contenham vírus ou qualquer outro código malicioso;
  • Material que configure crime virtual.

PUNIÇÕES

  • O Blog PLANO BRASIL se reserva ao direito de não autorizar a publicação de comentários de frequentadores do Blog que trasgridam as regras, o editor, comunicará publicamente a transgressão indevida e pedirá que este não mais emita comentários pois estes não mais serão publicados.
  • Os alertas serão enviados, primeiramente em modo pessoal diretamente ao transgressor pedindo-lhe as correções dos atos, se este insistir ans transgressões elas serão tornadas públicas no Blog e seguidas das punições anteriormente descritas.

***********************************************************************************************

Atenciosamente

E.M.Pinto

Editor : Plano Brasil

Renúncia – Informações, Imagens e Sons

O webmaster não assume qualquer responsabilidade resultante do uso por qualquer propósito das informações contidas neste site, nem garante sua exatidão e que tal uso estará livre de direitos autorais privados.As imagens divulgadas neste site estão hospedadas em outros sites, foram capturadas na própria Internet, enviadas por visitantes ou produzidas pelo webmaster. Se você encontrar alguma irregularidade prevista em lei, escreva para blog.p.brasil@gmail.com relatando o título da imagem e a página em que se encontra. Imediatamente, identificaremos o nome do remetente ou site de origem para que seja feita a necessária retratação.

Disclaimer – Information, Images and Sounds

The publisher does not assume any liability resulting from the use in any purpose of the information contained in this website, or warrants its accuracy and that such use will be free from privately owned rights. The images and sounds published in this website are hosted in other sites, were captured at the Internet, sent by visitors or produced by the webmaster. If you find any irregularity previewed in law, please write to blog.p.brasil@gmail.com , describing the image title and the page where it is hosted. We shall immediately identify the sender’s name or original website for that the necessary retraction be done.

29 Respostas to “SOBRE P.BRASIL”

  1. O site DEFESABR é incrível. Dinâmico, atualizado, verdadeiro. Parabéns a todos que fazem o DEFESABR.

  2. Parabenizo pelo excelente nivel e atualização dos projetos e noticias Rosemburgo

  3. Está mt bom mesmo. parabéns.

  4. – Parabenizo pela criação do Blog, pois nunca é demais espaços a favor da nossas armas, das nossas indústrias bélicas, em defesa da pátria e da soberania nacional, pois somente com domínio nesta área poderemos pensar em ser forte, sermos reconhecidos como potência no sentido amplo, quer no campo econômico, social, de desenvolvimento, dô domínio da ciência, da aero-espacial, do oceano, e de nossas riquezas e florestas, em especial a Amanônia e o Pantanal, tão esquecido, e a opinião nesse contexto geral, é muito importante e indispensável para que rumos sejam definidos em Brasília.

  5. Parabéns
    O autor reuniu substantivo conjunto de informações e conhecimentos sobre o estratégico setor, necessario à Sociedade.
    A ACADEMIA NACIONAL DE ENGENHARIA – ANE, está desenvolvendo o protótipo da plataforma digital – RIENG – Rede Inteligente de Relacionamentos em Engenharia,
    (rieng.org.br) cujos Fóruns, pretende venham a tornar-se ferramenta auxiliar de interoperabilidade e sinergia de todas as expressões da comunidade tecnológica e de engenharia, (profissionais e indústria e demais segmentos) e gradualmente constitua-se em ambiente residente de parte do saber e das aplicações praticas demandadas pela Scociedade e naturalmente pelas Forças de Defesa. A ANE irmana-se à Declaração de Princípios, expostos neste Site.

  6. Salve Paulo.
    Obrigado pela informação
    fico feliz que estejam se concretizando aspirações e pretenções nossas.
    nosso país precisa trabalhar muito e precissamos de muitos cabeças e braços para chegar lá.
    grande abraço
    E.M.Pinto

  7. Parabéns, vocês são ” O CARA ” em se tratando de informações de Defesa, Tecnologia, Inovação e Soberania.

    Parabéns e continue o excelente trabalho

  8. Obrigado Nelson.
    Tentamso fazer o melhor e melhorar a cada dia.
    obrigado pela participação e por favor se quiser colaborar para a nossa melhoria fiqeue a vontade.
    cumprimentos.
    E.M.Pinto

  9. Parabéns pela iniciativa!

    É muito difícil cobrir minimamente e com qualidade acontecimentos nacionais e internacional nesse campo.

    Evidentemente, há uma série de publicações consolidadas nesse sentido, como a JANES, Stratfor, IISS etc, mas raramente o alto preço dessas assinaturas compensam tendo em vista a enorme distância dos temas de interesse para o Brasil.

    Assim, tentar disponibilizar um bom apanhado “open source” sobre Segurança, Defesa e Tecnologia -filtrado por interesses brasileiros – é um trabalho árduo e exige diálogo constante com as grandes publicações e tendências internacionais, mas absolutamente bem vindo!

    Parabéns mesmo, continue caminhando!

  10. Salve Peterson.
    Esta é a nossa meta e estamos tarbalhando para isto.
    Para nós, a maior gratificação é saber que nosso trabalho tem sido apreciado pelos leitores do blog, o maior prêmio é receber os elogios dos nossos leitores tal como o feito por si.
    Pretendemos melhorar a cada dia numa “luta” diária, sabemos que temos muito ainda o que caminhar, mas estamos dispostos a isto.
    um grande abraço e obrigado pelo elogio e participação.
    E.M.Pinto

  11. Quero dar meus parabéns a todos que fazem um ótimo trabalho aqui .
    Venho acompanhando o Site desde o final do ano , e é um dos poucos sites que tem uma excelente qualidade nas matérias e informacões .
    Mais uma vez parabéns a todos e continuem com esse ótimo trabalho.
    Abçs

  12. Realmente o site PLANO BRASIL se destaca dos demais sites do gênero buscando informações mais concisas nas fontes e fugindo dos formadores de opiniões da grande imprensa conservadora nacional. Esperamos que o editor do site mantenha imparcialidade quando das análises das matérias sobre a DEFESA NACIONAL.

  13. Descobri este síte agora no mes de fevereiro, achei otimo estive lendo bastante o trabalho divulgado por aqui, espero q. continuem como está pelo menos para mim.Ah quanto ao DEFESA BR; tb. sou um mero colaborador com nosso amigo Roberto Silva e um assíduo leitor do seu síte. Abraço a todos.

  14. Tenho duas sugestões. Dois vídeos antigos, mas com assuntos muito atuais.
    O primeiro é sobre a suposta “participação” brasileira na guerra das Malvinas:

    O segundo é sobre o projeto de um submarino nuclear, made in Brazil.

    Achei bem interessante e, gostaria de ler a opinião dos colegas que comentam no P. Brasil, principalmente sobre a visão dos “estrategistas” sobre o Sub. Nuclear.
    Abração e parabéns pelo site.

  15. Boa Noite E. M. Pinto

    Muito obrigado pela atenção e ter dado o retorno…
    Realmente me interessei pelo grupo UNION, ainda não sei exatamente como funciona, mas ja me informaram + ou -…
    Aguardo a resposta sua e do grupo UNION…
    O site de vcs também esta mto bom…
    Parabens e mto sucesso…

    Aguardo resposta

  16. Sugiro link para matéria de divulgação
    http://sistemasdearmas.com.br/ca/pakfa.html

  17. Caros editores

    Gostaria de propor uma sugestao de post muito interessante que, pela seriedade do trabalho que fazem, bem como a quantidade de pessoas que sempre frenquentam o blog, creio que podemos estabelecer uma melhor relacao com o Exercito Brasileiro.
    Trata-se de uma enquete do departamento de ciencia e tecnologia do EB
    sobre o futuro da prospeccao tecnologica.

    Eis o link: http://www.dct.eb.mil.br/index.php?option=com_content&view=article&id=107&Itemid=131

    Muito interessante a enquete.

  18. Salve Lucas, contatei o Ctex e me pus a disposição para uma parceria com eles
    obrigado pelo link e sugestão, de fato acho quepoderíamos colaborar de alguma forma para isto.
    muito boa sua sugestão.
    Obrigado
    Sds.
    E.M.Pinto

  19. https://pbrasil.wordpress.com/about/

    FHC e a guerra fria cultural da CIA
    O blog do Nassif tem seu Ubaldo paranóico, inspirado no personagem do Henfil. Poderia esconder-se debaixo da cama mas ao invés disso prefere desautorizar teorias conspiratórias. E, com razão, não se conforma com o boato selvagem na internet de que o excelente livro Quem pagou a conta? – A CIA e a guerra fria da cultura, de Frances Stonor Saunders, prova que o Cebrap de FHC foi financiado pela CIA usando a Fundação Ford (FF).

    O que me surpreendeu ao ser lançada a tradução brasileira desse livro, bem pesquisado, bem escrito e bem editado, foi o atraso de quase 10 anos no lançamento (minha edição em inglês é de 1999). Na ocasião, 2008, escrevi sobre o assunto, na Tribuna da Imprensa. Mesmo sem qualquer simpatia pelo PSDB ou pelo governo FHC, para mim estava claro que a FF, largamente citada, não era apontada ali como tendo canalizado dinheiro da CIA para grupos ou instituições no Brasil. O livro sequer levanta suspeita de que o Cebrap recebeu verbas da espionagem via FF.

    A denúncia veio de alguém que fez a seguinte ilação: 1. o livro diz que a Fundação Ford era uma das instituições que canalizavam secretamente dinheiro da CIA para a área cultural, sem deixar impressões digitais da agência (o que é verdade); 2. o Cebrap tinha recebido recursos da Fundação em 1969 (o que é verdade); 3. logo, o Cebrap recebera dinheiro da CIA.

    Ora, o Brasil e o Cebrap (ou FHC) não entraram na pesquisa de Saunders. O que a autora devassou pacientemente, com base em documentos até então protegidos pelo sigilo, foi o amplo esquema de corrupção – com verbas secretas via fundações legítimas ou entidades fantasmas – de intelectuais e instituições culturais. A CIA montou o esquema principalmente a partir do CCF (Congresso pela Liberdade Cultural), notório instrumento anticomunista da agência na guerra fria.

    A ameaça vermelha e a caça às bruxas
    Saunders documentou sistematicamente o que afirma. Antes já se sabia alguma coisa. Em 1989 fiz muitas referências, no livro Caça às Bruxas – Macartismo, uma tragédia americana, à ação secreta da CIA na área cultural e a intelectuais que se somaram à histeria da “ameaça vermelha”, como Irving Kristol, Gertrude Himmelfarb, Norman Podhoretz, Midge Decter, Sidney Hook, Stephen Spender, etc.

    Famílias até então respeitadas no meio cultural faturavam bom dinheiro, sabendo ou não que vinha da CIA. Muita gente jurou depois que ignorava a origem – já que às vezes a fonte real não era identificada. O escândalo estourou em 1967, graças a denúncia da revista Ramparts (mais sobre ela AQUI, AQUI e AQUI), da nova esquerda, então perseguida de forma implacável pela CIA. O mérito de Saunders foi mergulhar posteriormente nos papéis secretos liberados e apurar toda a trama.

    O título original do livro é quase o mesmo do Brasil, Who paid the piper? – The cultural cold war: the CIA and the world of arts and letters. Mas a autora concentrou-se nos nomes da cultura norte-americana e européia cooptados pela espionagem na guerra fria cultural – por sinal, muitos sobrenomes reapareceram no movimento neoconservador infiltrado no governo de George W. Bush.

    Bill Kristol, filho do casal Irving Kristol-Gertrude Himmelfarb é um deles: foi o primeiro, na capa da revista política Weekly Standard (do império Murdoch de mídia), da qual é editor, a exigir a invasão do Iraque depois do 11/9. O pai dele, Irving, que criou o “neoconservadorismo”, dirigia a principal revista de cultura inventada às escondidas pela CIA, a internacional Encounter, de confecção esmerada – e muito respeitada, até se descobrir quem a financiava (mais sobre ele AQUI).

    O dinheiro fácil da “OTAN cultural”
    Claro que não excluo a hipótese de ter a Fundação Ford repassado verbas da CIA ao Cebrap em 1969, como alguns alegam. Mas o período coberto pelo livro só vai de 1950 a 1967 – ano da denúncia de Ramparts (veja abaixo uma de suas capas mais vigorosas e conheça outras AQUI), que provocou mudanças nos projetos “culturais”. Assim, a suposta conexão CIA-FF-Cebrap nunca foi objeto do estudo de Saunders, por estar fora tanto daquele período como da área geográfica coberta (EUA-Europa).

    Chamou-se a isso “OTAN cultural” (e “contenção cultural”). Só incluía EUA e os aliados do Tratado do Atlântico Norte na guerra fria. América Latina não. Saunders devassou em especial a “família mundial das revistas” do CCF: a nobre Encounter, sediada em Londres, Partisan Review, Kenyon Review, Hudson Review, Sewanee Review, Poetry, The Journal of the History of Ideas, Daedalus.

    Esse supermercado de compra e venda de idéias, cultura e intelectuais foi criado pela CIA mediante uma teia de organizações, algumas criadas especificamente para esse fim por espiões como o mefistofélico C. D. Jackson, especialista em guerra psicológica que reinou um tempo no grupo Time-Life e foi assistente especial do presidente Eisenhower (fazia a ligação entre Eisenhower e a CIA).

    Saunders mergulhou nesse submundo com competência e talento, daí minha estranheza quando alguém alega ter desistido de ler o livro ao verificar que não se referia ao Cebrap de FHC. Ora, a história é fascinante: expõe a receita para corromper intelectuais. Até ideológicos de esquerda, como certos trotskistas, que adoraram a chance de atacar Stalin e ainda serem bem pagos para isso.

    A América Latina, fora da jurisdição, passou a interessar só depois de Fidel Castro chegar ao poder. De qualquer forma, Saunders fala brevemente do hemisfério sul no capítulo 21, “Caesar of Argentina”, com informações tímidas. O poeta Robert Lowell ganhara do CCF passagem (de navio) para vir à América do Sul (sua amiga Elizabeth Bishop estava no Rio, certamente na casa de Lotta Macedo Soares).

    A controvérsia da revista Mundo Nuevo
    Cabia a Keith Botsford, que por três anos representou o CCF na América Latina, com base no Rio, uma mal-disfarçada tarefa de espionagem. Ele avisou seu superior John Hunt que para os intelectuais brasileiros a entidade era “instrumento ianque”, por isso seria melhor o CCF tornar-se mais discreto, modesto e até “invisível”, só dando apoio a projetos que tivessem forte respaldo local.

    Hunt discordou. Advertiu Botsford de que nenhuma área do mundo devia ser negligenciada na heróica luta contra o comunismo ateu. O CCF estava em plena campanha para impedir que se desse o prêmio Nobel a Pablo Neruda. Depois, em meio às intrigas da guerra cultural em 1963-64, aconteceu o pior: o Nobel não foi para o poeta chileno mas para Jean Paul Sartre, alvo prioritário do CCF – e Sartre o recusou.

    Estranho, para mim, foi Saunders não ter citado no livro a Mundo Nuevo, revista de cultura latino-americana editada em Paris com dinheiro da CIA – via CCF e outras fundações, para ocultar a fonte real dos recursos. Na década de 1960 comprei alguns números em livraria do Rio. Num deles li Gabriel Garcia Márquez (foto ao lado) pela primeira vez – um trecho extraído do até então inédito Cem Anos de Solidão.

    Sempre quis saber mais sobre Mundo Nuevo. Só recentemente encontrei afinal uma dissertação acadêmica (Universidade do Texas, Austin, 2007, 260 páginas) do americano Russell St. Clair Cobb. Título: “Mundo Nuevo”, a revolução cubana e a política da liberdade cultural (leia em inglês AQUI e saiba mais AQUI). O autor cita o patrocínio da CIA (via CCF), exalta a qualidade da revista e discorda dos que subestimam o papel da espionagem.

    Mundo Nuevo, segundo Cobb, “publicou ensaios, entrevistas e ficção de autores como Garcia Márquez, Carlos Fuentes e Guillermo Cabrera Infante. Tornou-se motivo de controvérsia ao ser descoberta a ação oculta da CIA”. Atacada pelos intelectuais cubanos como “propaganda imperialista” dos EUA, foi defendida por seu diretor, Emir Rodríguez Monegal. Alegou ele tratar-se de “uma revista de diálogo”.

    “O bastião contra a revolução cubana”
    Ficou difícil, para Monegal (foto ao lado), convencer outros de que a revista era “desinteressada e sem compromisso político”. Como fica claro hoje no material dos arquivos do CCF, afirmou Cobb, Mundo Nuevo foi criada na guerra fria cultural “para ser um bastião contra a revolução cubana. Usava a retórica da literatura descomprometida e cosmopolita para se contrapor ao modelo revolucionário da literatura engajada”.

    Não se deve perder de vista que ao esconder obsessivamente seu papel mediante artifícios e canais de lavagem de dinheiro a CIA implicitamente reconhecia a imoralidade de sua intromissão para “dirigir” o debate cultural. Já o caso Cebrap-FHC é outra coisa, pois em 1969 o escândalo já tinha forçado a espionagem, que antes usava a FF como canal, a no mínimo mudar os truques na área cultural.

    Se alguém acha que dinheiro canalizado pela FF para o Cebrap vinha mesmo da CIA, terá de fazer sua própria pesquisa para provar. A fundação foi criada de certa forma para melhorar a imagem da família (e da indústria), prejudicada pelo anti-semitismo do primeiro Henry Ford. Ultimamente é alvo à esquerda e à direita. Se não me engano, até Henry Ford II a criticou uma vez por desvio anticapitalista.

    A FF de fato prestava-se à espionagem, num papel sujo, legitimando o que se fazia num período vergonhoso da sociedade americana – o da caça às bruxas. Mas teve também outro papel. Financiou o grupo Fund for the Republic, no projeto da primeira grande pesquisa a expor a caça às bruxas e as listas negras no cinema e no rádio – o que resultou, em 1956, nos dois volumes de Report on Blacklisting, de John Cogley (capa ao lado).

  20. É uma pena que o Defesa BR tenha parado no tempo, muitas das noticias lá divulgadas já estão ultrapassadas o que não é o caso do Plano Brasil.

  21. Matheus o Defesa BR não Parou no tempo pelo contrário, o meu amigo Roberto Silva continua muito bem na ativa.
    O que se passa são os enfoques o Plano Brasil procura apresentar temas mais variados e por estas razões talvez tenhamos mais matérias, também contamos hoje com um grupo bem grande de sugestores e autores e por esta razão podemos abranger uma gama bem grande matérias.
    O Defesa BR é uma de nossas fontes de notícias e indico a todos os que queiram saber mais sobre defesa economia e geopolítica.
    grande abraço e muito obrigado pelo apoio, seja bem vindo ao Plano Brasil
    E.M.Pinto

  22. Prezado Sr. E. M. Pinto,

    Pele iniciativa e apresentação de temas interessantes na área em questão, deixo aqui meus sinceros cumprimentos e desejos de que seus objetivos sejam alcançados rapida e plenamente.
    Percebo persiste uma expressiva alienação do cidadão quanto ao interesse e engajamento em assuntos estratégicos do país como Brasil, postura que pode ser alterada e até mesmo revertida pelo acesso a informações estratégicas como as encontradas em seu Bolg.
    Parabéns!
    ******************
    Salve Borges, muito obrigado pelas gentis palavras, o Plano Brasil é formado por inúmeros colaboradores e assim como você também agradeço.
    Nossa Missão é esta, criar a massa crítica e acordar a nossa sociedade, sem no entanto pensar por ela ou dizer como deve ser, este é o diferencial.
    Falta muito a ser feito e não desistiremos.
    Obrigado e seja bem vindo ao Plano Brasil
    E.M.Pinto

  23. VejaBlog
    Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
    http://www.vejablog.com.br

    Parabéns pelo seu Blog!!!

    Você está fazendo parte da maior e melhor
    seleção de Blogs/Sites do País!!!
    – Só Sites e Blogs Premiados –
    Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
    os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

    O seu link encontra-se no item: Blog

    http://www.vejablog.com.br/blog

    – Os links encontram-se rigorosamente
    em ordem alfabética –

    Pegue nosso selo em:
    http://www.vejablog.com.br/selo

    Um forte abraço,
    Dário Dutra

    http://www.vejablog.com.br
    …………………………………………………………..

  24. Sempre procurei um site que envolvesse politica e que nao formasse opniao nem distorçesse os fatos. O unico, eu digo, o unico que encontrei foi aqui. De longe o melhor site de informaçoes politicas do Brasil !!! Meus parabéns mesmo !

  25. Salve Bruno
    De fato somos um site de assuntos de defesa e Geopolítica, obviamente procuramos assuntos que abordem política internacional mas nosso viés é a geopolítica e não a política em si, embora como disse vez por outra hajam manifestações neste campo.
    Seja bem vindo ao Plano Brasil e aproveite o espaço.
    Sds
    E.M.Pinto
    Editor

  26. erik krool :Caracaaaa… finalmente vida inteligênte na web!!! parabéns meeeesmo… o/

  27. Somos uma empresa de Desminagem Angolana e estamos interesados com a vosa tecnologia pelo que precisso que me enviem detalhadamente imagens de aparelhos de desminagem MECANIZADA e MANUAL custo de cada aparelho prazos e modalidades de entrega, vantages e desvantages de cada aparelho ou maquina.
    Tudo isto pr fvor enviem-nos no no E-mail; belieftecno@hotmail.com e no mvasco12@yahoo.com;
    Por favor isto com URGENCIA. PRECISAMOS FAZER AQUISICAO DO VOSSO MATERIAL!!!!!!!!!!!

  28. Gostei muito deste site.Por ter um bom conhecimento de armas e alguns projetos ainda não publicados, achei interessante.Estamos falando de armas comuns, porém avançadas em tecnologia.
    Os projetos mais sofisticados são confidenciais, por razões que não é preciso citar.Afinal, precisamos conhece-las gradualmente e assimilar seu uso e múltiplas utilizações.O bom nisso tudo é que há de tudo:armas, comida, comunicação, estojos de emergência(em todas as áreas) possibilitando não apenas atacar mas, sobreviver.
    Grande abraço.

  29. Fiquei surpreso por encontrar um espaço tão rico sobre o tema. Ainda não vi todo o conteúdo mas já gostei do histórico e normas para uso. Difícil encontrar-se na internet algo com conteúdo sério que visa o benefício geral, independente de partido político e/ou religião!
    Parabéns ao idealizador da página!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: